ØLYMPIA
12

ØLYMPIA Capítulo 108

Voltando ao Normal

Publicado em 15/01/2021

Os alunos ainda estão lidando com todas as consequências pós prova e se questionando sobre o que irá acontecer na competição.

Continua depois da publicidade

Cena 1

Você dormia tranquilamente quando acorda com o som da voz de Eric que lhe chamava.

- S/N? - Diz Eric.

- Oi, o que aconteceu? - Você pergunta.

- Bom dia - Eric diz.

- Bom dia - Você fala.

- Você não quer ir para a cabana um pouco? - Eric pergunta.

- Não precisa, estou bem - Você responde.

- Tem certeza? - Eric pergunta.

- Sim, não quero deixar a Laura sozinha - Você responde.

- Não vai deixar, eu posso ficar com ela, Sam ainda esta dormindo, mas logo deve vir - Eric diz.

- Está tudo bem, eu só vou mais tarde para tomar banho - Você fala.

- Tem certeza? - Ele pergunta.

- Tenho sim, não se preocupe - Você responde.

- Tá bom, mas pode ir que eu vou ficar aqui - Diz Eric.

- Certo - Você fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 2

- Mas o que aconteceu para que você acordasse tão cedo? - Você pergunta.

- São tantas coisas S/N, eu ainda me sinto mal pelo Gabriel e também tem a preocupação com a Laura - Eric responde.

- Entendo, também estou pensando bastante sobre isso - Você fala.

- Mesmo que eu saiba que a Laura está bem, eu ainda tenho medo de alguma complicação tardia - Ele diz.

- É, mas acredito que agora ela já esta livre de perigo - Você fala.

- Espero que sim S/N, mas acho que só vou me sentir tranquilo quando ela não estiver mais nessa cama e sair daqui - Eric diz.

- O médico disse que ela esta evoluindo bem, então logo deve conseguir sair - Você fala.

- Sério? Que bom ouvir isso - Eric diz.

- Sim, ele disse que ela é bem forte e o tratamento está funcionando muito bem - Você fala.

- E ela? - Ele pergunta.

- Ela ainda não acordou - Você responde.

- Espero que seja apenas cansaço - Eric diz.

- Eu também espero, acho que os remédios são bem fortes e por isso da tanto sono - Você fala.

- É, concordo - Eric diz.

- Não se preocupe, ela está bem - Você fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 3

Você e Eric passaram um bom tempo conversando dentro do quarto de Laura enquanto esperavam que ela acordasse novamente como no dia anterior. Laura tinha acordado naquele momento que vocês conversavam com Suzana, mas depois que vocês voltaram da despedida de Gabriel, ela dormiu e ainda não tinha acordado novamente, isso lhe preocupava, mas queria se manter forte por causa de Eric e se apegava ao que o médico havia dito dela estar melhorando.

Algum tempo depois, Sam finalmente chegou no quarto e também começou a fazer parte da conversa.

- Será que ela vai acordar hoje? - Sam pergunta.

- Eu espero que sim - Você responde.

- O ruim é a ansiedade para quando ela acordar - Eric diz.

- Não se preocupe Eric, se ela já acordou uma vez, significa que ela está bem - Sam fala.

- Concordo, seria ruim se ela ainda não tivesse acordado - Você diz.

- É, acho que sim - Eric fala.

- Talvez demore para ela acordar, mas quem sabe dure mais tempo hoje - Diz Sam.

- Seria ótimo - Eric fala.

- Vamos ter paciência e esperar pelo grande momento - Você diz.

- Sim, mas por enquanto você deveria ao menos tomar café da manhã já que não quer ir dormir mais um pouco na cabana - Sam fala.

- Certo, eu vou, mas se ela acordar, alguém me chame - Você diz.

- Não se preocupe S/N, nós avisaremos - Sam fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 4

Você sai do quarto em que Laura estava e começou a caminhar pelos corredores do hospital em busca da lanchonete para comer algo pois estava morrendo de fome já que foi o/a único(a) que dormiu no hospital para ficar com Laura enquanto Eric e Sam foram dormir na cabana pois estavam com mais machucados que você.

Durante o caminho, você passava por vários quartos onde médicos saiam e entravam, por mais que não estivesse mais aquela loucura dos primeiros dias, ainda tinham muitas pessoas que estavam com expressões tristes e abatidas, além de algumas que choravam.

Você finalmente encontrou uma lanchonete e logo pegou uma bandeja para pegar coisas para seu café da manhã e se sentou em uma mesa que estava vazia. Enquanto saboreava seu café, você analisava ao redor de todo aquele enorme local, observava os profissionais e também as pessoas normais que passavam por lá, todos sempre com muita pressa e com expressões sérias.

Era tão estranho como os últimos dias tinham sido tão difíceis e loucos que nem ao menos tinha parado para pensar sobre a conversa que tinha tido com o representante sobre seu pai, pela primeira vez alguém teve uma conversa de verdade sobre seu pai, o mais engraçado é que era uma das últimas pessoas que você imaginaria falar algo.

Você ainda absorvia tudo o que tinha ouvido, porém ficou tão feliz em ouvir tantas coisas que não tinha a menor ideia, o representante sabia tanto sobre seu pai e não teve o menor receio de compartilhar tudo aquilo com você, claro que algumas coisas apresentavam aquela visão maravilhada de alguém que ama os deuses, mas mesmo assim foi uma conversa muito esclarecedora, pena que ele não sabia uma das parte que mais deixava lhe confuso(a) que era em relação a morte de seu pai, parecia que ninguém fazia ideia de como a morte dele aconteceu.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 5

Você estava comendo e pensando sobre seu pai quando seus pensamentos são interrompidos por Suzana que se aproximava e sentou na mesa em que você estava.

- Olá S/N - Diz Suzana.

- Oi - Você fala.

- Como você está? - Ela pergunta.

- Estou bem e você? - Você pergunta.

- Eu estou ótima, e o seus amigos? - Ela pergunta.

- Eles estão bem também - Você responde.

- E a Laura? - Ela pergunta.

- Está bem, porém não acordou depois daquele momento - Você responde.

- Isso é normal, o tratamento para veneno é forte, mas vai dar tudo certo - Ela diz sorridente.

- Espero que sim - Você fala.

- Não se preocupe, ela é forte e vai superar esse momento difícil - Diz Suzana.

- Eu também acredito nisso, é isso que me tranquiliza - Você fala.

- Eu vi que Eric e Sam foram dormir na cabana, mas você não foi - Ela diz.

- É, eu quis ficar fazendo companhia para ela - Você fala.

- Você é um(a) ótimo(a) amigo(a) - Ela diz.

- Eu faço o que posso - Você fala.

- Se você for um(a) guerreiro(a) tão leal e dedicado(a) assim para os deuses, se tornará um(a) favorito(a) deles - Ela diz.

- Sempre me dedico em tudo que faço - Você fala.

- Você quer ser um(a) guerreiro(a) não é? - Ela pergunta.

Continua depois da publicidade
  • Claro que sim
  • Ainda estou pensando

Cena 6

- É bom que seja pois você será uma ótima adição na equipe de guerreiros - Diz Suzana.

- Muito obrigado(a) - Você fala.

- Você, Laura, Marina e Taylor são as pessoas que nós mais acreditamos que tem sorte de vencer essa competição - Ela diz.

- Só nós quatro? - Você pergunta.

- Não, Sam, Eric, Melissa, Eva, Nicole, Gustavo e Agatha também tem ótimas chances - Ela responde.

- Que bom ouvir isso - Você fala.

- Mas esses outros ainda precisam provar o potencial, já vocês quatro estão quase prontos para o próximo passo - Ela diz.

- Acho que ainda tenho muito a evoluir - Você fala.

- Mas a sua evolução está mais relacionada ao seu emocional e sua mente do que em relação a sua força física - Ela diz.

- Como assim? - Você pergunta.

- Você é forte, sempre vai bem nas provas e tem ótimo domínio de seus poderes, seu único problema é que é muito apegado(a) a pessoas e se importa muito com os sentimentos dos outros - Ela responde.

- Entendo - Você fala.

- Não fique com raiva, só digo isso para o seu próprio bem. Sei que você tem ótimos sentimentos por seus amigos, mas esse sentimento só pode ser nutrido para os deuses e sua família - Ela diz.

- Sei o que você quer dizer - Você fala.

- Pense nisso e se aprimorar essa, parte se tornará um(a) grande guerreiro(a) - Suzana diz.

- Agradeço pelos conselhos - Você fala.

- Não há de que, eu quero muito te ver na final, toda vez que te vejo machucado(a) após uma prova, fico muito preocupada - Ela diz.

- Não se preocupe, machucados são normais, eu sei me cuidar - Você fala.

- É bom mesmo - Ela diz.

- Pode ficar tranquila, eu irei longe nessa competição - Você fala.

- É exatamente isso que quero ver - Ela diz se levantando.

- Você vai ver - Você fala.

- Tchau S/N - Ela diz.

- Tchau Suzana - Você fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 7

Depois de passar mais um tempo aproveitando sua própria companhia enquanto terminava de comer, você finalmente se levanta para voltar ao quarto em que Laura estava.

Enquanto caminhava em direção ao quarto, você vê Taylor passando pelo corredor com algo na mão e que vai em sua direção assim que lhe vê.

- Olá S/N - Diz Taylor.

- Oi Taylor - Você fala.

- Como está? - Taylor pergunta.

- Estou bem e você? - Você pergunta.

- Estou muito bem, porém percebeu que agora estou mancando? - Taylor pergunta.

- Eu percebi - Você responde.

- Eu sei que minha beleza faz com que as pessoas não percebam isso, mas acabei machucando o pé durante a prova e isso afeta um pouco meu charme - Diz Taylor rindo.

- É bom ver que sua autoestima continua intacta - Você fala.

- É um dom S/N, foram anos de trabalho para fazer ter uma confiança que não se abala facilmente - Taylor diz.

- Entendo, espero um dia ter metade disso - Você fala.

- Você consegue, acredito que com o fim dessa competição, você vai ser mais confiante - Taylor diz.

- Você acha? - Você pergunta.

- Sim, ser um(a) guerreiro(a) vai ajudar muito nisso - Taylor responde.

- Acredito que sim - Você fala.

- Você vai ver, confia em mim - Taylor diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 8

- Como a Laura está? - Taylor pergunta.

- Ela está bem - Você responde.

- Fico feliz em ouvir isso - Diz Taylor.

- É, ela passa pouco tempo acordada, mas a Suzana disse que é normal devido ao tratamento - Você fala.

- Entendo, mas tenho certeza que isso vai melhorar - Taylor diz.

- Com certeza, mas o que você faz aqui? - Você pergunta.

- Estou aqui para visitar a Laura - Taylor responde.

- Sério? - Você pergunta.

- Sim, eu disse para você que viria lhe fazer companhia - Taylor responde.

- Eu sei disso, mas achei que você estava apenas brincando - Você fala.

- O quê? Não acreditou que não me levou a sério - Taylor diz.

- Não faça drama, eu só não confiei tanto - Você fala.

- Ainda bem que tenho muita confiança porque você adora me colocar para baixo - Diz Taylor.

- Que exagero - Você fala.

- Estou brincando, mas já que ela ainda não acordou, vou te dar isso para entregar a ela e mais tarde eu volto - Taylor diz entregando o negócio que carregava.

- O que é isso? - Você pergunta.

- É um livro pois mesmo passando pouco tempo no hospital, achei péssimo, não há nada para fazer, ao menos ela tem um livro para se distrair - Taylor responde.

- Ela vai gostar, eu darei para ela - Você diz.

- Ótimo, eu vi Eric e Sam passar, então sei que não vale a pena quatro pessoas em um quarto sendo que ela não está acordada, mas mais tarde eu venho novamente - Taylor diz.

- Entendo, ela vai gostar de te ver, então quando quiser ir, nós estaremos lá - Você fala.

- Eu vou sim - Taylor diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 9

Você e Taylor estavam se despedindo quando escutam a sirene, o que causa surpresa não somente a vocês, mas também aos outros alunos que também estavam por perto.

Logo você e Taylor começam a caminhar em direção ao palco, você não esperou por Eric e Sam pois tinha uma grande chance de se desencontrarem, então era melhor se encontrarem próximos ao palco.

Ao chegar no palco, todos os alunos começavam a se aproximar, mas ainda era uma pequena quantidade já que uma boa parte estava internada no hospital, o que lhe fazia questionar qual era a motivação daquela sirene pois não tinha como ser uma prova ou treinamento já que todos se recuperavam.

Ao ouvir toda a conversa dos alunos ao seu redor, conseguia perceber que não era apenas você que tinha confusão em relação aquilo, porém muitos já conseguiram entender sobre o que se tratava quando viram Ítalo com um enorme sorriso subir no palco e se aproximar do microfone.

- Olá a todos, como estão? Espero que estejam bem e que estejam tendo uma boa recuperação já que fiquei sabendo que a última prova foi bem difícil. Eu espero que as armas que tenham escolhido na última prova tenham sido de grande ajuda e que os treinamentos estejam os ajudando nesses momentos. Acredito que muitos devem estar confusos por me verem aqui, sei que ainda esta faltando uma boa parte de seus colegas, porém não podemos permitir que vocês passem tanto tempo sem fazer nada, não é justo com vocês que já receberam alta, por isso ontem já tiveram um dia livre e hoje nós teremos um treino, mas não se preocupem, será um treino leve onde não terão que gastar muita energias pois não querem piorar nenhuma lesão. No treinamento de hoje, vocês terão que se defender com a espada de objetos que são atirados em suas direção, tomem muito cuidado. Então chega de conversa e vamos logo para o nosso treino pois nunca se sabe quando será a nossa próxima prova.

Ítalo termina de falar e logo começa a descer do palco para o treinamento, os alunos ainda estavam parados sem acreditar no que tinham acabado de ouvir pois ninguém esperava um treinamento, mas logos os representantes apareceram entregando espadas.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 10

- Não consigo acreditar nisso - Diz Eric se aproximando.

- Estava procurando por vocês - Você fala.

- Achei que tinha nos trocado por Taylor - Eric diz rindo.

- Que bobagem - Você fala.

- Não esperava um treinamento, por mais que não seja um treino pesado, isso é muita maldade com aqueles que estão no hospital - Sam diz.

- Concordo, isso faz eles ficarem em desvantagem - Você fala.

- A Laura vai ficar com muita raiva quando ficar sabendo - Eric diz.

- Não consigo entender o que o Ítalo quis dizer com essa história de não nos deixar por muito tempo sem treinar, não é como se estivéssemos de férias - Sam fala.

- Parece que todo dias eles arrumam mais uma forma de nos irritar para que desistirmos de ser guerreiros - Eric diz.

- Concordo - Sam fala rindo.

- Mas vamos treinar, não há o que fazer - Você diz.

- Infelizmente, temos que enfrentar a realidade - Sam fala.

- Vamos logo treinar para acabar e poder ficar com a Laura - Eric diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 11

Vocês três vão em direção aos representantes para pegar suas espadas e então caminham em direção as marcações, não demora muito e logo as máquinas começam a disparar vários objetos em sua direção, alguns eram maiores e outros menores, além de possuírem diferentes velocidades.

Foi durante aquele treino que você percebeu que não estava tão bem quanto imaginava pois se sentia mais lento(a), além de sentir muita dor em certos movimentos e principalmente quando algum dos objetos lhe acertava.

Era estranho como aquele simples treino que não era novidade e que já tinha feito tantas vezes estava sendo mais difícil do que qualquer outra vez, parecia que você o enfrentava pela primeira vez, sua mente raciocinava rápido a cada novo objeto, porém seu corpo cansado não conseguia responder na mesma velocidade.

Você já estava bem cansado(a) e aproveitava um dos intervalos para beber água e descansar pois estava se sentindo acabado(a) quando Ítalo se aproxima em sua direção.

- Olá S/N - Diz Ítalo.

- Oi - Você fala.

- Está tudo bem? - Ele pergunta.

- Mais ou menos, acho que não estou completamente recuperado(a) - Você responde.

- Eu percebi, normalmente você é bem mais rápido(a) - Ele fala.

- Sinto muito, vou melhorar mais - Você diz.

- Não se preocupe com isso, mesmo não estando no seu melhor, ainda é melhor que muitos - Ele fala rindo.

- Obrigado(a), eu acho - Você diz.

- Mas não diga que eu falei isso - Ele fala.

- Pode deixar - Você diz.

- Mas está dando para treinar? - Ele pergunta.

- Está sim, não se preocupe - Você responde.

- Que ótimo - Ele diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 12

- Eu fiquei sabendo que você enfrentou o poderoso Leão de Neméia ontem - Diz Ítalo.

- Sim, foi surpreendente - Você fala.

- Fico orgulhoso de saber que você não só enfrentou o leão, como o venceu - Ele diz.

- Eu não consigo acreditar até agora, parece mentira - Você fala.

- Isso não é algo para qualquer um, eles só permitiram isso porque confiam em você - Ele diz.

- Se for, eu fico muito feliz - Você fala.

- Eles confiam muito em você e isso é uma honra, significa que eles já esperam que você se torne um(a) guerreiro(a) - Ítalo diz.

- Eu realmente me sinto honrado(a) - Você fala.

- Por favor, não quebre essa confiança que eles tem em você e honre isso se tornando um(a) grande guerreiro(a) - Ele diz.

- Pode deixar, vou dar o meu melhor - Você fala.

- Fico feliz em ouvir isso - Ele diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 13

Logo Ítalo se despede e você volta a treinar mais um pouco, porém não conseguia parar de pensar na conversa que havia tido com ele, tanto esse discurso dele quanto o discurso de Suzana mais cedo estavam bem parecidos, o que lhe fazia pensar que os deuses estavam atentos a cada passo que você dava.

Será que isso estaria relacionado com o fato deles desconfiarem da conversa que você teve com Ágatha na floresta ou teria haver com a conversa com o representante sobre seu pai?

Você gostava tanto daquele representante que nem tinha pensado na possibilidade dele apenas agir como um espião que se fazia de seu amigo para depois contar tudo para os superiores, será que ele poderia ter contado sobre a conversa que teve com você sobre seu pai para os superiores? Será que aquele representante poderia ser algo que você nem ao menos imaginava?

Continua depois da publicidade
Gostou do capítulo?

Continua no próximo capítulo

Próximo Capítulo / Continue jogando

Adicione à sua biblioteca para ser notificado(a) de novas publicações!

O que você achou deste capítulo?
Karla ♡

Karla ♡ Espero que a Laura não tenha acordado durante esse tempo por conta dos remédios fortes,porque se não for...

Toda vez que alguém vem com o discurso sobre a S/N ser guerreira(o),só me dá mais vontande de desistir

Achei meio injusto darem uma prova sabendo que um 1/3 ainda estão no hospital se recuperando,sem contar que as provas valem notas,o que fazem muitos deles saírem em desvantagem

Eric está certo,parece que todos os dias eles dão algum motivos para as pessoas desistirem de serem guerreiras(os)...não me surpreenderia se apenas 5 pessoas se tornassem guerreiras(os) no final

S/N não desconfia do representante pai não,ele é legal,fala na cara e deve saber
um pouco sobre seu pai,porque é ele na verdade e não pode falar muito por causa dos Deuses

15/01/21 18 ResponderMais
ѕєяgιинο🏳️‍🌈

ѕєяgιинο🏳️‍🌈 Capítulo maravilhoso 💗💗💗💗💗

Que [email protected] esse povo tem na cabeça pra passar um treino com mais da metade dos alunos hospitalizados?! Isso é muito injusto!!!!

Sério?! 3 conversas sobre ser guerreiro no mesmo capítulo?! Primeiro foi a Suzana, depois Taylor e por fim Ítalo.... Vcs acham mesmo que vão me convencer a ser um guerreiro desse jeito?! Eu respondo: NÃO VÃO!! EU QUERO SER REBELDE P*RRA!!!

15/01/21 13 ResponderMais
_Docinho_

_Docinho_ Eu sou a única doida que acha interessante a ideia de ser um guerreiro?
Enfim, amei o capítulo como sempre❤

15/01/21 7 ResponderMais
LeBlanc_Fox

LeBlanc_Fox Eu tenho uma raiva desses deuses! Eles nem se importam com os alunos! Mas... ainda sim prefiro ser um(a) guerreira (o) porque se você ser um rebelde é a mesma coisa que assinar um papel de óbito

Continua Miss

15/01/21 4 ResponderMais
Natália

Natália Cara, eu me apaixono cada vez mais por essa fic, sério, meu deeeus, mano eu tava tão certa de ser uma rebelde e agora eu voltei a ter dúvidas sobre oque eu vou querer ser mas sério eu tô desconfiando muito daquele livro que Taylor mandou entregar pra Laura, e se tiver alguma escuta ali? Eu sou team Sam e por mais difícil que seja de acreditar eu ainda não confio nem um pouquinho em Taylor, cara é difícil viu? Mas seguimos tranquilos, vem tranquila próxima prova, aqui é a pessoa que venceu o leão de Neméia seus feios KAKAAKAKA

15/01/21 4 ResponderMais
Isah Taconiツ

Isah Taconiツ Gente tudo bem que a s/n apega demais as pessoas, ninguém é de ferro

15/01/21 3 ResponderMais
Luck C 😜👽🖖

Luck C 😜👽🖖 Ameiiiiii ♥️♥️♥️!!!! Desde que a Laura de machucou voltei a cogitar a opção de ser rebelde, agora eu adoraria virar guerreiro conseguir informações e mais poderes e virar rebelde melhorar as coisas.
Quero que usem mais os poderes adoro tanto quando usam os poderes!!!!

15/01/21 3 ResponderMais
Viih Moon

Viih Moon Será que o representante é o pai da s/n?

15/01/21 3 ResponderMais
K-poperotaku

K-poperotaku Perfeito

15/01/21 3 ResponderMais
ManuellaPacca

ManuellaPacca Perfeitoooo como sempreeee ♥️♥️♥️♥️♥️♥️ ai que infernoooo eles não nos dão outra opção além de guerreiro eu só quero curtir a vidaaaaaaaaaaa

15/01/21 2 ResponderMais
Cancelar