ØLYMPIA
12

ØLYMPIA Capítulo 151

Infortúnios

Publicado em 30/03/2021

Após o combate contra Melissa, muitos pensamentos e questionamentos rondam a cabeça de S/N.

1 final alternativo

Continua depois da publicidade

Cena 1

Você estava dormindo quando sente uma forte luz em sua direção, então começa a piscar seus olhos tentando a se acostumar com a luz branca que estava na sua frente.

Quando seus olhos finalmente se acostumam a claridade, percebe que estava novamente de volta ao hospital de Eólia, mas parecia mais um local da enfermaria do que a parte de internação pois no quarto em que você estava tinha mais algumas camas que eram separadas por cortinas.

Seu corpo estava dolorido, mas felizmente não era nada muito grave e não iria lhe impedir de continuar na competição e nem te atrapalhar para a próxima prova que fosse acontecer.

Quando você começa a pensar na próxima prova, é naquele momento que as memórias da última prova começam a vir a tona em sua mente e logo se lembra de tudo o que tinha acontecido entre você, Melissa e a Equidna.

Ainda era difícil processar em sua mente tudo o que tinha acontecido pois foi muito confuso já que o representante havia falado que vocês iriam trabalhar em equipe para caçar um ser mitológico e trazer até ele, porém nada daquilo tinha acontecido e no final você teve que enfrentar Melissa em um combate.

Será que o representante tinha falado a verdade e vocês sofreram uma enganação da Equidna ou será que ele tinha mentido para vocês para que não descobrissem qual era a verdadeira prova? Mas qual seria o motivo dele mentir para você? Será que é por causa daquela história que os superiores gostam do tal fator surpresa?

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 2

Você ainda estava pensando sobre tudo o que tinha acontecido quando ouve alguns passos e percebe que era o representante que se aproximava.

- Já acordou? - Ele pergunta confuso.

- Oi - Você fala.

- Tudo bem com você? - Ele pergunta.

- Sim e você? - Você pergunta.

- Estou bem - Ele responde.

- O que está fazendo aqui? - Você pergunta.

- Estou aqui por você - O representante responde.

- Sério? Não precisava disso - Você fala.

- A Equidna me entregou você desacordado(a), não tinha como não me preocupar - Ele diz.

- O quê? - Você pergunta.

- Sim, achei até que ela tinha me machucado - Ele responde.

- Até onde eu me lembro, ela não fez nada - Você fala.

- É, acho que acabei me preocupando por nada - Ele diz.

- Não posso nem te julgar, não dá para confiar em uma Equidna - Você fala.

- Sim, sempre espero o pior dela - Ele diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 3

- Assim que eu desmaiei, ela me trouxe? - Você pergunta.

- Espero que sim - O representante responde.

- Como assim "espera"? Vocês não tem controle sobre isso? - Você pergunta.

- Os superiores tem controle sobre isso, eu sou apenas um empregado, não tem como saber sobre isso - Ele responde.

- Então ela poderia ter me matado e você nem saberia? - Você pergunta.

- Ela não faria isso - Ele responde.

- Como você pode ter certeza? - Você pergunta.

- Porque ela não é burra e não teria coragem de se meter com os superiores, seria comprar um problema que ela realmente não iria gostar de como iria terminar - Ele responde.

- Entendo, mas isso é confiar no bom senso de uma Equidna que não é um grande exemplo de um ser que pensa antes de agir - Você fala.

- Ela é impulsiva, mas não é burra. Não se preocupe, não iria acontecer nada com você - Ele diz.

- Não sei se eu teria tanta certeza - Você fala.

- Pode confiar em mim - Ele diz.

- É exatamente isso que está me fazendo pensar - Você fala.

- Como assim? Você não confia em mim? - Ele pergunta.

Continua depois da publicidade
  • Eu confio em você
  • Eu confio em você, mas estou com algumas dúvidas
  • Não sei o que pensar

Cena 4

- Aconteceu algo que eu fiz para que levantasse algumas dúvidas em sua mente? - O representante pergunta.

- Você sabe que sim - Você responde.

- Como assim? - Ele pergunta.

- Essa prova de agora, você me disse algo bem diferente do que aconteceu - Você responde.

- Eu sei disso, mas como eu já tinha dito, eu sou apenas um funcionário, tenho ordens a serem seguidas - Ele diz.

- Mas você não podia falar nada que me desse uma pista ou algo do tipo? - Você pergunta.

- Infelizmente não, você sabe que sempre que posso, eu tento lhe ajudar, mas não é sempre que posso fazer isso - Ele responde.

- Eu sei, acho que eu fui pego(a) de surpresa - Você fala.

- Sinto muito, queria poder ter falado algo, mas isso daria problemas para mim - Diz o representante.

- Tudo bem, nós somos vítimas desse lugar, não posso jogar a culpa em você - Você fala.

- Eu realmente sinto muito, estava me sentindo mal em ver você daquele jeito e não poder falar nada - Ele diz cabisbaixo.

- Eu já tinha percebido que você não estava bem, mas em nenhum momento que o motivo fosse tão dramático - Você fala.

- É, tente esconder meu sentimento, mas tem momentos que são bem difíceis para esconder o que sentimos - Ele diz.

- Verdade, foi inocência da minha parte não perceber - Você fala.

- Não foi inocência, acho que mesmo sabendo que temos muitos infortúnios nesse lugar, nunca esperamos situações tão ruins - Ele diz.

- É, tem razão - Você fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 5

- Posso te fazer uma pergunta? - Você pergunta.

- Pode, mas não garanto se posso respondê-la - O representante responde.

- O que aconteceu com a Melissa? - Você pergunta.

- Eu não faço a menor ideia - Ele responde.

- É sério, você não pode dizer nada sobre ela? - Você pergunta.

- Não há o que eu possa dizer, não sou o representante responsável por ela, só tinha que explicar a prova para vocês, mas só tinha que me preocupar de verdade com você pois você era a pessoa que eu sou responsável - Ele responde.

- Mas você não viu se a Equidna entregou o corpo para ela? - Você pergunta.

- Não vi - Ele responde.

- Mas vocês representantes não conversam entre si? O representante responsável por ela não comentou nada? - Você pergunta.

- Nós conversamos, mas ainda não tive a chance de conversar com nenhum deles. Os representantes só podem conversar antes e depois da prova, não podemos conversar durante, é contra as regras - Ele responde.

- Então você realmente não sabe nada? - Você pergunta.

- Não, eu realmente sinto muito por isso - Ele responde.

- Não sabe nem me dizer se foi uma ilusão? - Você pergunta.

- Sinto muito, você terá que esperar pela Selena, ela irá falar sobre a prova com você e os outros alunos. Não posso passar informações importantes sobre a prova - Ele responde.

- Não acredito nisso - Você fala.

- Realmente sinto muito - Ele diz com a cabeça abaixada.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 6

- Não sei se vou conseguir esperar até amanhã para descobrir tudo isso - Você fala.

- Eu sei que você é uma pessoa ansiosa, mas agora não é o momento para ficar pensando nisso. Foque somente em você para que você fique bem pois amanhã é o último dia da competição - Diz o representante.

- É muito fácil falar isso - Você fala.

- Eu sei que você tem muitas preocupações e que pensa demais, mas esse não é o momento para isso, amanhã irá acontecer a grande final, você tem que se preparar para isso - Ele diz.

- Eu vou tentar, mas não garanto nada - Você fala.

- Eu estou aqui porque me importo com você pois meu trabalho já acabou a muito tempo, mas queria ter certeza que você estava bem e queria te ver acordado(a) antes de ir, queria que você soubesse que sempre poderá contar comigo, por isso que dou meus conselhos mesmo que eu saiba que você não vai me ouvir, eu continuo tentando - Ele diz.

- Eu ouço os seus conselhos e agradeço por sua amizade, mas você também tem que entender meu lado, tem muita coisa acontecendo nesse momento, são muitas preocupações comigo, com as situações e com as pessoas que gosto - Você fala.

- Eu entendo, mas meus conselhos são para o seu bem. Você precisa parar de se preocupar tanto com os outros e se preocupar mais com você, é o que seu pai iria querer - Ele diz.

- Não me venha com essa história de que me entende, você não entende o que estou passando, o que sinto e o que penso, não é porque somos amigos que somos iguais, temos muitas diferenças. Você acha que o seu modo de pensar é o único certo - Você fala.

- Já entendi que você não está para conversa, já que hoje não estamos nos entendendo bem, vou deixar você - Ele diz.

- É bom mesmo, você já até usou meu pai como arma - Você fala.

- Sinto muito se acabei te machucando com minhas palavras, mas o problema é que eu queria que você se colocasse mais em primeiro lugar em sua vida e deixasse de pensar tanto nos outros pois isso não vai te levar muito longe - Ele diz se levantando.

- Eu já fui bem longe em Olympia e nessa competição com esse pensamento, então não acho que você está tão certo assim - Você fala.

- Até a próxima prova S/N - O representante diz saindo.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 7

O representante sai do quarto e você ainda estava com muita raiva pois não aguentava mais ouvir as pessoas dizerem que te entende e depois quererem ensinar como você deveria viver sua vida. Todo mundo queria ter opinião sobre como você deveria pensar e como você deveria agir, mas ninguém nunca se importava em como você estava.

Toda a cobrança e todas as preocupações que você tinha nessa competição estava lhe causando um desgaste enorme e consequentemente uma sobrecarga que nunca tinha lidado na vida, aquilo estava lhe estressando mais que o normal e agora estava extravasando a ponto de discutir com o representante que sempre foi alguém que você gostou e tem muito respeito.

Por mais que ele tivesse razão sobre que você deveria se colocar em primeiro lugar nessa competição, ele não tinha o menor direito de colocar seu pai na situação pois tanto seu pai quanto o representante nunca tiveram pessoas como você tinha Laura, Eric e Sam. Seu pai e o representante são pessoas que sempre foram solitárias e individualistas, então nunca iriam entender como você se sentia, sem contar que além de seus amigos, você sempre leva todos em consideração, até mesmo aqueles que já fizeram algum tipo de mal com você.

Cada movimento seu sempre foi muito bem pensado, tanto para lhe favorecer quanto para não afetar mais ninguém, então não conseguia se imaginar finalizando pessoas apenas por vontade sem uma necessidade por trás da situação, também não conseguia se colocar na acima de seus amigos já que isso realmente não fazia parte de quem você era.

Talvez o representante tivesse razão e se você continuasse assim, teria que lidar com alguns problemas em sua vida, mas infelizmente aquilo fazia parte de você e não iria conseguir mudar tão rapidamente esse seu modo de viver. Não importaria o quanto os superiores se esforçassem para lhe transformar em um robô, aquilo não iria acontecer pois você sempre foi fiel ao que acreditava e não era uma simples prova ou poder que iria mudar aquilo.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 8

Depois de passar um bom tempo pensando naquela cama de hospital, você decide pegar sua roupa que estava na poltrona ao lado da cama e vai em direção ao banheiro para poder trocar de roupa e ir para a cabana pois queria saber como seus amigos tinham ido.

Você termina de se trocar e vai em direção a saída, como Suzana estava na recepção, você sabia que tinha que sair escondido(a) pois não queria que ela lhe visse e percebesse que você tinha se dado alta.

Você consegue aproveitar o momento de distração de Suzana enquanto ela estava conversando com uma enfermeira e então vê naquele momento a situação perfeita para conseguir sair sem que ninguém lhe visse e assim faz.

Assim que saiu do hospital, você vê que já tinha anoitecido, então começa a caminhar pelo campo de Eólia em direção a cabana pois seus amigos já deveriam ter chegado ou deveriam chegar a qualquer momento por ser tarde.

Enquanto caminhava pelo campo de Eólia, você percebia que não havia quase ninguém no campo, os alunos já estavam em suas cabanas, o que era bem estranho pois mesmo que já fosse noite, muitos gostavam de ficar até tarde do lado de fora conversando, treinando e se divertindo, mas dessa vez era diferente, um estranho e inesperado silêncio dominava Eólia e você não ouvia quase ninguém, apenas sabia que as pessoas estavam em casa devido as luzes das cabanas que estavam acesas.

Pelo jeito, os alunos estavam ainda absorvendo a prova que tinha acabado de acontecer assim como você ou até mesmo deveriam ter amigos no hospital e por isso estavam mais silenciosos que o normal.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 9

Finalmente você chega na cabana e vê que a luz estava acesa, então alguém já tinha chegado, então respira fundo para criar coragem para abrir a porta pois estava com muito medo de descobrir que algum de seus amigos tinha sido assassinado durante a prova, você realmente não iria saber lidar com aquilo.

Depois de muita preparação, você finalmente junta a coragem para tocar a maçaneta da porta e abri-la, então assim que entra na cabana dá de cara com Laura que abre um enorme sorriso ao lhe ver.

- S/N! - Diz Laura animada.

- Laura, que bom te ver - Você fala.

- Eu que estou feliz em te ver - Ela diz indo te abraçar.

- Como você está? - Você pergunta.

- Eu estou bem, melhor agora lhe vendo. E como você está? - Ela pergunta saindo do abraço para poder lhe ver.

- Eu estou bem - Você responde.

- Está bem mesmo? Não está com dor ou algum machucado? - Ela pergunta verificando seu corpo.

- Estou sim, acabei de vir do hospital - Você responde.

- Hospital? Você se machucou gravemente? - Ela pergunta .

- Não, foi só por causa de alguns machucados, mas eles eram leves, foi apenas para não ocorrer infecção ou algo do tipo - Você responde.

- Que bom ouvir isso - Ela diz.

- E você também está bem né? - Você pergunta.

- Sim, só sofri com alguns machucados de cortes de espada, mas também nada grave - Laura responde.

- Fico feliz em saber disso - Você fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 10

- Onde está Sam e Eric? - Você pergunta.

- Sam está no hospital, acabou se machucando e precisa de um tempo para melhorar - Laura responde.

- Como assim? Algo aconteceu com Sam? - Você pergunta.

- Eu sinceramente não faço ideia, Suzana não entrou em detalhes - Ela responde.

- Será que é grave? - Você pergunta.

- Eu não sei, mas acho que não pois ela disse que se tudo ocorresse bem, amanhã Sam já iria ter alta. Só precisava ficar por hoje para ficar sob observação dos médicos - Ela responde.

- Realmente espero que não seja nada - Você fala.

- Eu também não - Ela diz.

- E o Eric? - Você pergunta.

- Ele ainda não chegou - Laura responde com uma expressão preocupada.

- Ainda não? - Você pergunta.

- Não, mas Suzana pediu para que eu não me preocupasse pois assim que Eric chegasse, ela iria nos avisar - Ela responde.

- O que será que aconteceu com o Eric? - Você pergunta.

- Eu não faço a menor ideia, estou tão preocupada que nem quero pensar mais sobre o assunto para não enlouquecer - Ela responde.

- Não fique assim, vamos tentar não enlouquecer pois ainda é cedo - Você fala.

- Você tem razão, como Sam sempre diz, não vamos sofrer por antecedência - Ela diz.

- Sim, não vale a pena. Vamos tentar manter a calma e esperar por notícias de Suzana - Você fala.

- Verdade, vou tentar fazer isso - Ela diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 11

- Vamos conversar sobre algo para nos distrair - Diz Laura.

- Concordo - Você fala.

- Como foi a sua prova? - Ela pergunta.

- Uma montanha russa de emoções - Você responde.

- Como assim? - Ela pergunta.

- Primeiro o representante me disse que eu teria uma prova em dupla onde teria que caçar uma criatura e então trazer para ele, mas depois descobri que era uma dupla com Melissa e no final não era prova em dupla e sim um combate contra ela - Você responde.

- Nossa, eu também passei pela mesma situação, fiquei com tanta raiva do representante por ele ter mentido para mim - Ela diz.

- Então todos mentiram? - Você pergunta.

- Acho que sim, talvez fazia parte daquela história que a Selena sempre fala sobre o tal "fator surpresa" que os representantes adoram - Ela responde.

- Verdade, deve ter sido isso - Você fala.

- E como foi lutar com a Melissa? - Laura pergunta.

- Foi bem difícil, ela é uma ótima lutadora - Você responde.

- Ela parece ser bem forte mesmo - Ela diz.

- Sim, até mais do que eu imaginava. Ela realmente melhorou com os treinos - Você fala.

- E você finalizou? - Ela pergunta.

Continua depois da publicidade
  • Sim
  • Não

Cena 12

- Entendo - Diz Laura.

- E como foi a sua luta? - Você pergunta.

- Foi contra uma pessoa que eu não conhecia, um menino muito forte da Casta de Ares - Ela responde.

- Casta de Ares? - Você pergunta surpreso(a).

- Sim, sofri muito para conseguir derrotá-lo pois ele realmente estava focado em me finalizar - Ela responde.

- Sério? - Você pergunta.

- Sim, ele me disse que se ele conseguisse finalizar um dos quatro que tiveram o direito a escolha especial, ele iria ser muito reconhecido tanto pelas pessoas quanto pelos superiores - Ela responde.

- Nossa, ele estava realmente bem decidido a acabar com um de nós - Você fala.

- Exatamente, então tive que fazer o que eu realmente não gosto - Laura diz com a cabeça abaixada.

- Você finalizou ele? - Você pergunta.

- Sim - Laura responde ainda com a cabeça baixa e com a voz embargada.

- Não se sinta mal, você não fez por maldade, precisava se defender de alguém que queria acabar com você - Você fala colocando a mão nas costas dela para consolá-la.

- Eu sei, mas mesmo assim me sinto tão culpada, estou tão arrependida - Ela diz agora chorando.

- Não se culpe por isso, você fez o que achou certo para aquela situação - Você fala.

- Pois sinto que o destino está me castigando pela minha escolha - Ela diz chorando.

- Que história é essa? - Você pergunta sem entender.

- Sam está no hospital e Eric ainda não apareceu, isso é um castigo - Ela responde.

- As lutas de Sam e Eric não tem nada a ver com você, vocês são pessoas diferentes. Você fez sua parte da luta, o que Eric e Sam fazem é responsabilidade deles - Você fala.

- Você tem razão, mas minha mente não consegue aceitar isso - Ela diz.

- Pare de se martirizar por causa da prova, você fez algo porque julgou como o certo, se foi a melhor decisão ou não, não importa, o que importa é que você foi fiel a si - Você fala levantando o rosto dela para que ela lhe olhasse.

- Muito obrigada S/N, fico tão feliz que você me entendeu e não acha que eu sou um monstro - Ela diz te abraçando.

- Eu nunca iria achar que você é um monstro. Você é uma das pessoas mais racionais e coerentes que já vi na vida, sei que você pensou muito antes de tomar a decisão - Você fala.

- Sim, eu não fiz por maldade - Ela diz te apertando ainda mais no abraço.

- Eu sei - Você fala dando leves tapinhas nas costas dela.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 13

- Vamos agora nos recompor, tomar um bom banho para relaxar e comer algo porque não sei você, mas eu estou morrendo de fome - Você fala.

- Eu também estou com fome - Diz Laura.

- Então vamos fazer isso para melhorarmos - Você fala.

- Tem razão, infelizmente já é tarde e não podemos fazer visita para Sam e Eric, então temos que esperar até amanhã - Ela diz.

- Exatamente, então vamos tentar nos acalmar para amanhã acordarmos cedo e irmos visitar Sam e Eric - Você fala.

- Verdade, amanhã eles já irão estar melhor - Ela diz.

- Sim, por enquanto eles nem devem estar acordados, devem estar dormindo por causa dos remédios - Você fala.

- Verdade, se fossemos lá agora, seria apenas para vê-los dormir e conversar com a Suzana - Ela diz.

- Sim, então vamos deixar a visita para amanhã, hoje será apenas eu e você - Você fala.

- Não posso negar que gosto dessa ideia - Ela diz sorrindo.

- Eu também gosto, assim é mais tranquilo - Você fala rindo.

- Concordo totalmente - Laura diz e dá uma gargalhada.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 14

Você e Laura passaram um bom tempo conversando sobre a prova e sobre as expectativas que estavam para a próxima e última prova, até que ficou bem tarde e resolveram dormir pois tinham que acordar cedo para visitar Sam e Eric no hospital.

Laura dormiu bem rápido pois ela tinha se cansando muito, sem contar que chorou bastante devido a culpa que estava sentindo em relação a ter que finalizar o tal menino da Casta de Ares.

Você já estava se preparando para dormir quando escuta um som vindo da cozinha e então logo vai em direção a porta para ver se era a sua carta que tinha chegado.

Assim que se aproxima da porta vê um envelope de cor preta e endereçado a você:

"Meus parabéns S/N, seu êxito durante a prova que criei chamou a minha atenção e gostaria de lhe parabenizar. Pessoas como você são sempre incríveis de se acompanhar pois nem todos conseguem ter a mesma força e coragem, por isso irei acompanhar seu desempenho com ainda mais atenção e seria um grande prazer que você se tornasse o/a guerreiro(a) que representasse a minha Casta.

Que as bênçãos caiam sobre você, Ares"

Ao terminar de ler a carta, você nem se surpreendeu pois para ter coragem de fazer algo daquele tipo só poderia ser Ares, porém uma dúvida surge em sua mente agora que sabia quem elaborou a prova: Será que Melissa realmente tinha morrido e a Equidna ficou com ela?

Continua depois da publicidade
Você encontrou um final alternativo!
Jogue novamente pare ler os outros finais 😀

Cena 15

- Vamos agora nos recompor, tomar um bom banho para relaxar e comer algo porque não sei você, mas eu estou morrendo de fome - Você fala.

- Eu também estou com fome - Diz Laura.

- Então vamos fazer isso para melhorarmos - Você fala.

- Tem razão, infelizmente já é tarde e não podemos fazer visita para Sam e Eric, então temos que esperar até amanhã - Ela diz.

- Exatamente, então vamos tentar nos acalmar para amanhã acordarmos cedo e irmos visitar Sam e Eric - Você fala.

- Verdade, amanhã eles já irão estar melhor - Ela diz.

- Sim, por enquanto eles nem devem estar acordados, devem estar dormindo por causa dos remédios - Você fala.

- Verdade, se fossemos lá agora, seria apenas para vê-los dormir e conversar com a Suzana - Ela diz.

- Sim, então vamos deixar a visita para amanhã, hoje será apenas eu e você - Você fala.

- Não posso negar que gosto dessa ideia - Ela diz sorrindo.

- Eu também gosto, assim é mais tranquilo - Você fala rindo.

- Concordo totalmente - Laura diz e dá uma gargalhada.

Continua depois da publicidade
Gostou do capítulo?

Continua no próximo capítulo

Próximo Capítulo / Continue jogando

Adicione à sua biblioteca para ser notificado(a) de novas publicações!

O que você achou deste capítulo?
Karla ♡

Karla ♡ *ainda nem acredito que amanhã já é a última prova,ansiosa pra ver o que vai acontecer e triste por saber que vai acabar!

*que conversa foi essa de S/n e do representante,o triste de ambos estarem certos é que nem tem o que discutir

*MISS,ESPERO QUE AMANHÃ ERIC ESTEJA BEM E QUE NÃO SEJA ELIMINADO,pois não vou saber lidar com o meu cristalzinho e cupido não estar comigo junto na final

*Nem quero saber o que Zeus reserva para os alunos(mentira,quero sim) só espero não ter que finalizar alguma pessoa conhecida ou próxima

*Miss,nem tem palavras pra descrever o quanto essa fic é perfeita,só espero QUE VOCÊ NÃO FAÇA NADA DE MAL COM O MEU CRISTALZINHO DO ERIC...enfim,era só isso🤗💜

30/03/21 15 ResponderMais
Melissa

Melissa EU TO MTO ANSIOSA PRA AMANHÃ MDSSSSS,EU TO RINDO PQ MATEI A MELISSA SENDO Q EU CHAMO MELISSA KKKKKKKK N TENHO MATURIDADE EU SEI,fiquei com dó do representante confesso,mas entendo S/N,ta realmente INCRIVEL esse ep,mal posso esperar para o proximo,e ver oq zeus aprontou....

30/03/21 12 ResponderMais
𝑭𝒆𝒍𝒊𝒙 𝒍𝒆𝒆 💖🌈✨

𝑭𝒆𝒍𝒊𝒙 𝒍𝒆𝒆 💖🌈✨ "Todos já sabiam que Erick iria ser o primeiro a ser eliminado, mas é muita maldade se ele morrer nesse combate. Erick, meu querido, não morra não viu?!"

Fala isso nao vey , obvio q ele nao morreu , ele foi abduzido ou algo do tipo , fala isso nem brincando , os quatro vao ta na final SIM.

30/03/21 8 ResponderMais
𝙴𝚞𝚣𝚒𝚗𝚑𝚊_𝙱𝚛

𝙴𝚞𝚣𝚒𝚗𝚑𝚊_𝙱𝚛 Capítulo Perfeito!!

Eu fiquei com muita dó do representante, os dois estavam certos mas acho que S/n foi um pouco dura com ele.

Assim... eu não quero joga praga nem nada, mas se a Melissa tiver morrido... não é que eu esteja feliz, mas não é uma coisa ruim ne? ;-;

Todos já sabiam que Erick iria ser o primeiro a ser eliminado, mas é muita maldade se ele morrer nesse combate. Erick, meu querido, não morra não viu?!

Tô muito ansiosa pra essa próxima prova, o que será que vai acontecer nessa ultima prova de Zeus?! Curiosidade a mil!

Capítulo Perfeito!!

30/03/21 8 ResponderMais
gregorio_breno

gregorio_breno fim de mais um episódio e eu só fico pensando onde que tá a Melissa. Só acreditarei quando for explicadinho kkk

30/03/21 4 ResponderMais
Gabriella Silva

Gabriella Silva Amanhã é a final, amanhã é a finalllllllllllll, mds hoje eu não durmo mais kkkkkk

30/03/21 4 ResponderMais
Wicktoria🏹🐾

Wicktoria🏹🐾 Eu achava que a carta de Ares seria a padrãozinha dos outros Deuses ou seria bem rude...mas me surpreendi com a forma que ele se expressou👏🏼
Ansiosa pelos próximos cap e para a próxima prova...acho que a última prova vai ser um porre ksksk
Espero que os outros(Sam,Eric)estejam bem e fora de perigo,o Taylor é um guerreiro nato então nem me preocupo tanto rsrsrs

Maravilhoso👏🏼💕👏🏼💕👏🏼

30/03/21 4 ResponderMais
Koku the Beginning

Koku the Beginning Perfeito

30/03/21 3 ResponderMais
LeBlanc_Fox

LeBlanc_Fox Miss, Miss... não faz isso comigo. Não mim diga que Eric morreu por favor!
Mais vou ser que nem Sam
"Não vamos sofrer por antecedência"

Please Miss

31/03/21 3 ResponderMais
Mid_lotus

Mid_lotus Scrr eu to mt ansiosa pra essa última prova.

30/03/21 3 ResponderMais
Cancelar