ØLYMPIA
12

ØLYMPIA Capítulo 158

Adeus

Publicado em 09/04/2021

Depois de tanto tempo, chega o momento de se despedir de Eólia e também lidar com outras despedidas.

Continua depois da publicidade

Cena 1

Imagem da cena

Você dormia tranquilamente quando acorda com o som dos pássaros que cantavam perto de sua janela, ao abrir os olhos percebe que uma luz que passava pela janela e lhe atingia com um calor gostoso do sol.

Ter o sol tocando sua pele e ouvir os sons do pássaro era uma sensação tão boa, fazia tanto tempo que não acordava sem o som de alarme ou algo do tipo. Estava dormindo tranquilamente em sua cama confortável, bem melhor que a de hospital que já fazia parte da sua rotina.

Só de sentir o calor dos raios de sol e ouvir os sons dos pássaros que cantavam já lhe fazia imaginar que seria um dia lindo, o que contrastava com o momento em que vivia em sua vida pois como poderia ter um dia tão bonito em um momento tão triste.

A competição tinha chegado ao fim e agora era o momento de se despedir de todos para ir para a Casta de Hefesto passar um tempo com sua família antes de seguir para os seus compromissos como agora um(a) guerreiro(a). Sem contar que ainda tinha a pior parte, como você iria conseguir ir embora de Eólia sem saber se Eric ou Sam iriam poder sair logo? Será que eles seriam transferidos para suas Castas ou iriam ficar ali naquele hospital até que melhorassem? Será que hoje você iria finalmente receber a notícia de que eles acordaram e que já poderiam receber visitas? Seria tão bom poder ver os rostos deles e até mesmo conversar com eles antes de ir embora, aquilo iria fazer tão bem para você e não teria que lidar com tantas preocupações.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 2

Depois de passar mais um tempo em sua cama pensando sobre seus amigos, finalmente você se levanta e caminha em direção ao banheiro para tomar um banho que lhe ajudasse a despertar para se preparar por esse dia.

Assim que entrou no banheiro, você foi direto para debaixo do chuveiro pois tudo o que mais queria naquele momento era um bom banho que lhe ajudasse a despertar, mas que também relaxasse pois precisava disso após tantos dias de preocupações e sentimentos ruins.

Enquanto tomava seu banho, percebia que seu corpo estava cheio de machucados, mas o que mais surpreende foi algo como alguns pontos que tinha em sua barriga, aquela marca ainda estava cicatrizando, o que mostrava que tinha sido algo recente. Será que você tinha sofrido um corte profundo e eles fizeram uma sutura e nem fizeram questão de lhe avisar?

Talvez aquele corte tenha acontecido durante sua luta no combate contra Sam, o que lhe deixava ainda pior pois Sam somente teve coragem de dar um golpe de verdade em você, mas você acabou exagerando achando que Sam iria aguentar mais, mas infelizmente não foi o que aconteceu.

Perder Sam já seria algo horrível por si só e era tudo o que você menos queria, mas perder Sam em uma situação onde você foi responsável era uma dor ainda pior de ter que se lidar.

Já havia sido tão difícil para perdoar Taylor pela morte de seu/sua ex-namorado(a) pois mesmo não tendo finalizado, você passou um tempo culpando Taylor por ter exagerado demais na luta, mas por ironia do destino, a situação estava se repetindo e agora era você que mesmo sem intenção, tinha machucado gravemente uma pessoa inocente.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 3

Após terminar seu banho e se arrumar, você foi em direção a cozinha onde Laura já preparava o café da manhã de vocês, ela ainda parecia abatida, mas pelo menos tentava sorrir.

- Bom dia - Diz Laura.

- Bom dia - Você fala.

- Dormiu bem? - Ela pergunta.

- Até que sim e você? - Você pergunta.

- Também me surpreendi que consegui dormir bem no limite do possível - Ela responde.

- Então você conseguiu dormir? Que coisa boa, achei que não iria conseguir - Você fala.

- Eu consegui, acho que deve ter sido por causa do cansaço já que além de ainda estar lidando com os meus machucados no combate, também passei o dia inteiro com preocupações - Ela diz.

- É, também acho que o cansaço influenciou, meu corpo está tão cansado que acho que nem sonhei - Você fala.

- É estranho, parece que nosso corpo está sempre tão cansado - Ela diz.

- Acho que deve ser porque como usamos muito de nossos poderes, eles ainda estão sendo "recarregados" - Você fala.

- Verdade, não tinha pensado nisso, mas faz muito sentido - Laura diz.

- É, acho que é o que mais faz sentido - Você fala.

- E como você está se sentindo? - Ela pergunta.

Continua depois da publicidade
  • Estou bem
  • Estou triste ainda
  • Estou ansioso(a) para sair daqui

Cena 4

- E você, como está se sentindo? - Você pergunta.

- Eu não sei, é uma confusão de sentimentos que estou sentindo nesse exato momento - Laura responde.

- Como assim? - Você pergunta.

- Eu estou tão triste por Eric e Sam, mas ao mesmo tempo estou feliz por ter conseguido ser uma guerreira e que vocês também tenham conseguido. Estou tão animada para sair desse lugar e encontrar minha família, mas ao mesmo tempo estou com tanto medo de como será minha vida assim que sair desse lugar - Ela responde.

- Entendo, acho que também me sinto assim - Você fala.

- Você também está com medo do que pode acontecer assim que sairmos daqui de Eólia e da competição? - Ela pergunta.

- Eu estou morrendo de medo, acho que medo é o sentimento predominante que estou sentindo nesse momento - Você responde.

- Verdade, acho que medo é o que melhor define nossos sentimentos - Ela diz.

- Mas vamos tentar ser otimistas que logo esse medo vai passar - Você fala.

- É o que eu mais quero, não aguento mais sentir tristeza e medo. Quero ficar feliz e celebrar que estou viva e que consegui algo que sempre sonhei - Diz Laura.

- Eu também quero o mesmo que você, como o Eric sempre diz, queria viver um dia normal como alguém da nossa idade deveria viver - Você fala rindo.

- Exatamente, isso é o que mais quero. Eu daria tudo para voltar quando tínhamos nossos 16 ou 17 anos que estávamos na escola. Eu ainda estava com o Diego, você com S/E, Eric estava sempre solteiro, mas sempre fazia parte do grupo de amigos - Ela diz.

- Verdade, nós éramos tão felizes nessa época, sonhávamos com Olympia e nem imaginávamos o que poderia acontecer - Você fala.

- Quanta inocência pensar que nossos "18" seria a melhor época de nossa vida - Ela diz.

- Verdade, espero que os próximos anos não sejam tão sofridos assim - Você fala rindo.

- Eu também, por favor - Laura diz.

- Por mais que eu tenha quase certeza que será tão sofrido e difícil quanto agora - Você fala.

- Será? Sinto que ser um guerreiro deve ser complicado, mas pelo menos não teremos que passar por mais testes apenas para diversão alheia - Ela diz.

- É, acho que você tem razão - Você fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 5

- Mas tem algo que eu gostaria de mudar em nosso passado - Diz Laura.

- Mudar? Sério? - Você pergunta sem entender.

- Não sei se seria mudar ou adicionar - Ela responde sorridente.

- O que seria? - Você pergunta.

- Eu gostaria que Sam e Taylor pudessem ter sido da Casta de Hefesto - Ela responde rindo.

- Sério? - Você pergunta rindo junto com ela.

- Sei que é difícil imaginar tanto Sam quanto Taylor na Casta de Hefesto, mas seria bem legal - Ela responde rindo.

- Eu até consigo imaginar Sam na Casta de Hefesto, mas não consigo imaginar Taylor, parece muito fora da realidade - Você fala.

- Verdade. Taylor iria odiar tudo, Taylor gosta de coisas boas e tem várias frescuras, então não iria suportar passar muito tempo em uma Casta tão simples. Sam tem o tipo de personalidade que iria viver doente pois teria nojo de tudo - Laura diz rindo.

- Se Sam já é tão pessimista nascendo na Casta de Poseidon, imagina nascendo na Casta de Hefesto - Você fala rindo.

- Verdade, realmente Sam e Taylor iriam odiar a Casta de Hefesto - Ela diz e cai na gargalhada.

- Com certeza, não faria sentido - Você fala.

- Iria adorar um dia levar Taylor e Sam na Casta de Hefesto para conhecer mais sobre lá, mas acho que é algo difícil - Ela diz.

- Quem sabe? Talvez se formos todos guerreiros, acho possível - Você fala.

- Verdade, acho que guerreiros podem entrar em qualquer Casta - Ela diz.

- Exatamente - Você fala.

- Agora você me deixou com ainda mais esperanças - Ela diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 6

- Engraçado - Diz Laura.

- O quê? - Você pergunta.

- Imaginar Taylor e Sam na Casta de Hefesto me fez tão sinceramente que por um momento esqueci de tudo o que está acontecendo nesse exato momento - Ela responde.

- Verdade, fazia tanto tempo que eu não ria de verdade e com vontade - Você fala.

- Foi bom para aliviar um pouco - Ela diz.

- Mas posso te fazer uma pergunta? - Você pergunta.

- Claro que sim - Ela responde.

- Pensando em uma realidade paralela, você estaria com Diego hoje se ele tivesse sobrevivido? - Você pergunta.

- Nossa, eu não faço ideia, nunca tinha parado para pensar nisso - Ela responde.

- Eu pensei sobre isso em relação a S/E - Você fala.

- Eu acho que não estaria com Diego, por mais que eu amasse muito ele, sei que nós não nascemos para ficarmos juntos, éramos muito diferentes e ás vezes era difícil lidar com o temperamento dele - Ela diz.

- Entendo, ele era bem difícil mesmo - Você fala.

- Eu iria querer continuar sendo amiga dele, mas não acho que conseguiria namorar com ele. Se duvidar, acho que ele iria me trocar por alguém como Melissa, Marina ou Eva - Ela diz.

- Sério? - Você pergunta.

- Sim, ele sempre gostou de pessoas como elas que são capazes de tudo para conseguir o que quer, eu sou uma pessoa ambiciosa, mas tenho meus limites e nunca passaria por cima de ninguém para conseguir o que quero - Ela responde.

- Bem coisa do Diego - Você diz revirando os olhos.

- Mas e você? Estaria com S/E? - Ela pergunta.

Continua depois da publicidade
  • Não faço ideia
  • Sim
  • Acho que não

Cena 7

- Eu acho que você não estaria - Diz Laura.

- Sério? - Você pergunta.

- Eu sinto que vocês tinham algumas diferenças - Ela diz.

- Como assim? - Você pergunta.

- É um problema bem diferente do meu com Diego. No seu relacionamento, você era a pessoa ambiciosa que queria muito e não se contentava com pouco, já ele(a) queria uma vida simples, nem sabia qual Casta escolher - Ela responde.

- Isso é verdade, lembro que teve um tempo que ele(a) disse para mim que talvez iria acabar indo para a mesma Casta que eu fosse escolher, seja lá qual fosse - Você fala.

- Tá vendo? São diferenças importantes - Ela diz.

- Eu até falei que isso não poderia acontecer pois ele(a) poderia se arrepender e eu iria me sentir muito mal por ter causado isso - Você fala.

- Sem contar que não acho que ele(a) iria querer ser guerreiro(a) - Ela diz.

- Também acho que não - Você fala pensando.

- Acho que mesmo se tudo tivesse sido diferente, estaríamos na mesma situação que nos encontramos agora - Ela diz.

- Será? - Você pergunta.

- Sim, você com três pretendentes e eu sozinha - Laura responde rindo.

- Nada a ver - Você fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 8

Depois de passarem um bom tempo conversando enquanto arrumavam suas coisas para irem embora, você e Laura resolveram sair da cabana para ir ao hospital e descobrir se já havia uma novidade sobre o estado de saúde de Eric e Sam.

Ao caminhar pelo campo de Eólia, você percebia que muitos alunos já estavam se despedindo de seus amigos para entrar nos carros dos representante que iriam levá-los para as Castas de suas famílias.

Algumas pessoas pareciam bem tristes e choravam muito ao se despedirem de seus amigos, alguns estavam bem machucados e caminhavam com dificuldade até chegarem aos carros que os levaria.

O clima de Eólia já estava sendo bem triste nos últimos dias, mas dessa vez era um clima triste porém diferente. O sentimento de tristeza naquele momento não era por perder algum amigo ou por perder uma prova, dessa vez era uma tristeza pela competição ter chegado ao fim e agora era o momento de se despedir das amizades que haviam sido feitas para enfrentar a realidade novamente, uma tarefa que não seria fácil pois todos ficariam presos a Casta que escolheram viver e muitos não se veriam tão facilmente. Principalmente agora que não havia mais Creta para que eles pudessem se encontrar mesmo que de forma proibida.

Chegava ser até mesmo engraçado ver todos aqueles momentos de despedidas, haviam pessoas que até mesmo se despediam das cabanas e dos representantes com tanta emoção. O que lhe fez lembrar que teria que se despedir de Suzana e principalmente do representante com quem tinha construído uma boa amizade.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 9

Imagem da cena

Vocês finalmente chegam no hospital e assim como em todo o canto de Eólia, o clima lá também era de despedida e todos estavam se arrumando para ir embora, o que lhe dava uma leve esperança que Suzana iria aparecer para dizer que Sam e Eric tinham acordado.

- Suzana! - Laura grita ao ver Suzana passando.

- Oi - Suzana diz surpresa ao ver vocês.

- Tudo bem com você? - Laura pergunta.

- Não muito, estou com tanto trabalho para fazer e vocês? - Suzana pergunta.

- Estamos bem - Você responde.

- Que bom ouvir isso, espero que estejam de mais bom humor hoje - Suzana fala olhando para Laura.

- Não sei se diria de bom humor, mas estamos melhores que ontem - Laura diz.

- Achei que vocês já tinham ido embora, todos já estão ido - Suzana fala.

- Nós vamos daqui a pouco - Você diz.

- É bom mesmo pois não quero ouvir reclamação dos representantes - Ela fala.

- Não vai haver, não se preocupe - Laura diz.

- Meus parabéns pela conquista, é uma honra saber que pessoas que tive um contato tão próximo se tornarão guerreiros(as) - Suzana fala.

- Obrigada - Laura diz.

- Vocês mudaram ou permaneceram na mesma Casta? - Suzana pergunta.

Continua depois da publicidade
  • Eu permaneci na mesma Casta
  • Eu resolvi mudar

Cena 10

- E você Laura? - Suzana pergunta.

- Eu fiquei na Casta de Atena - Laura responde.

- Meus parabéns a vocês, espero que vocês fiquem bem na Casta que escolheram pois agora não há mais como mudar - Ela diz rindo.

- Nós sabemos disso - Você fala.

- Todas as dozes Castas são ótimos e tem suas próprias qualidades, então acredito que vocês serão felizes em qualquer uma delas - Diz Suzana.

- Você sabe que não foi para falar sobre nossa escolha que estamos aqui né? - Você pergunta.

- É, eu sei - Suzana responde e respira fundo.

- Então por favor, diga que há uma atualização na situação de Eric e Sam - Laura fala.

- Há uma atualização sim - Suzana diz com uma expressão séria.

- Por favor, nos diga - Laura fala.

- Eric está respondendo bem e apresentou uma melhora considerável - Suzana diz.

- Que boa notícia - Você fala.

- Nossa Suzana, que susto, com sua expressão, estava esperando algo ruim - Diz Laura aliviada.

- Então ele não corre mais risco de vida? - Você pergunta.

- Ainda é muito cedo para afirmar isso, então não podemos descartar isso - Suzana responde.

- Entendo, então ainda há a chance de ter alguma complicação - Você fala.

- Mas se ele apresentou uma melhora considerável, a chance do risco de vida diminui muito - Laura diz.

- É, tem razão - Você fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 11

- E Sam? Algo mudou? - Você pergunta.

- Sobre Sam.... - Suzana fala hesitante.

- Não faz suspense por favor - Laura diz impaciente.

- Eu achei que tinham falado com vocês - Suzana fala.

- Sobre o quê? - Você pergunta.

- Infelizmente.... Sam não resistiu e acabou nos deixando na madrugada - Suzana responde.

- O quê? - Laura pergunta sem acreditar.

No instante que você ouve a resposta de Suzana, sua cabeça começa a girar e tudo estava tão confuso, o som era abafado e tão desconfortável. Era como se tivesse recebido um soco em seu estômago e logo sente um gosto amargo. Aquilo não poderia ser verdade, você ficava repetindo para si que era mentira, isso não podia estar acontecendo, Sam estava bem.

- Mas o que aconteceu? - Laura pergunta em prantos.

- Sam acabou não resistindo aos ferimentos, eu realmente sinto muito - Suzana responde cabisbaixa.

- Não, não, você está mentindo, por que você está fazendo isso com a gente? - Laura pergunta desesperada.

- Eu nunca brincaria com algo do tipo. Os médicos fizeram de tudo, mas não foi o suficiente - Suzana responde.

- Isso não pode estar acontecendo, não pode - Laura fala se sentando no chão agora chorando compulsivamente.

- Eu sinto muito, sei o quanto Sam significava para vocês. Sam lutou bravamente, mas infelizmente acabou perdendo essa batalha - Suzana diz triste.

- Nós podemos ao menos nos despedir? - Você pergunta.

- Infelizmente não pois já enviamos o corpo de Sam para a família - Suzana responde.

- Eu não acredito nisso - Você fala agora também chorando.

- Eu sinto muito, vou deixar vocês aqui para se recuperarem e já volto - Suzana diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 12

- S/N, por favor, me diz que isso é mentira, que estamos apenas em um pesadelo - Diz Laura entre soluços.

- Infelizmente não é um pesadelo Laura, eu iria adorar se fosse, mas não é o caso - Você fala.

- Eu não acredito que isso está acontecendo, é tão injusto - Ela diz.

- Eu também não acredito, é tudo minha culpa - Você fala.

- Não, não é sua culpa - Ela diz te puxando para o abraço.

- É minha culpa Laura, eu enfrentei Sam, eu não soube a hora de parar e agora isso aconteceu - Você fala.

- Não, você fez apenas o que precisava fazer. Eu te conheço, sei que você nunca machucaria alguém por vontade própria - Ela diz.

- Mas eu fiz Laura, é minha culpa que Sam tenha morrido. Eu terei para sempre os sangues de Sam nas minhas mãos - Você fala.

- Isso não é verdade S/N, nunca mais diga isso, não é sua culpa - Ela diz levantando seu rosto para que olhasse em seus olhos.

- E por que eu sinto que é minha culpa? - Você pergunta.

- Mas não é, tire isso da sua mente. Sam não iria gostar que você pensasse assim, tudo o que Sam menos iria querer é que você se sentisse culpado(a) por algo - Ela responde.

- Se não fosse minha culpa, Sam estaria bem - Você fala.

- A culpa não é sua - Ela diz.

- E de quem é a culpa? - Você pergunta.

- A culpa é desse lugar que faz essas provas horríveis, a culpa é dos superiores, dos deuses. Nós competidores somos apenas vítimas, marionetes da diversão deles - Laura responde.

- Eu estou me sentindo tão mal Laura, sinto que vou vomitar a qualquer momento - Você fala.

- Eu sei, eu sei - Ela diz te puxando para um abraço.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 13

Você e Laura passaram um bom tempo no chão daquele hospital apenas chorando sem falar uma prova, vocês apenas lidavam com o luto e tentavam e aceitar o que tinham acabado de ouvir, algo que não seria fácil de ser aceito, mas infelizmente era verdade pois viram o nome de Sam na lista de vidas perdidas.

- S/N e Laura - Diz Suzana se abaixando para falar com vocês.

- O que foi agora? - Laura pergunta.

- Entendo o que vocês estão passando e sinto muito por isso, mas.... - Suzana responde entregando uma garrafa de água para vocês.

- Sabe mesmo Suzana? Você já perdeu alguém importante para você? - Laura pergunta interrompendo Suzana.

- Claro que perdi, todo mundo já perdeu alguém importante na vida - Suzana responde.

- Se você entende tão bem o que estamos sentindo, por que faz parte desse lugar? - Laura pergunta.

- Laura... - Você fala com medo que Laura falasse algo que pudesse prejudicar.

- Entendo que vocês estão tristes e com raiva, receber uma informação dessa em uma idade tão jovem é bem difícil para se lidar. Por isso vou desconsiderar essa sua pergunta - Suzana fala.

- Tanto faz - Laura diz revirando os olhos.

- Sei que está passando por um momento difícil, mas não vamos descontar nossos problemas em pessoas que não tem nada a ver com a situação - Suzana fala.

- Mas não é como se você fosse uma pessoa que não tem nada a ver com a situação - Laura diz.

- Pelo jeito você não está bem para conversas, já entendi isso - Suzana fala.

- E você realmente acha que estamos bem para conversa depois do que acabamos de ouvir? - Laura pergunta.

- Eu sei, não é algo fácil de absorver - Suzana responde.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 14

- O que você quer com a gente Suzana? - Você pergunta.

- Eu já chamei os representantes que irão levar vocês para a Casta de Hefesto. Por protocolo, vocês terão que ir separados(as), mas podem se encontrar lá - Suzana responde.

- O quê? Nós estamos aqui chorando a perda de alguém e você já esta pensando em nos despachar? - Laura pergunta.

- Não é despachar, é levar vocês para casa onde irão poder ficar com suas famílias e amigos, eles irão poder confortar vocês nesse momento tão difícil - Suzana responde.

- Não sei se quero sair pois tenho medo de descobrir que o Eric também morreu - Laura diz.

- Sei que nesse momento, o pessimismo nos toma, mas não se preocupe, Eric corre risco de vida, mas o caso dele é bem mais leve que o de Sam, então Eric tem grandes chances de sobreviver - Suzana fala.

- É sério ou você só está falando isso para nos acalmar? - Você pergunta.

- Estou falando sério - Suzana responde.

- Então temos que ir agora? - Laura pergunta.

- Sim, os representantes irão levar vocês para suas famílias, sei que o caminho para a Casta de Hefesto é bem longo, então é bom ir logo - Suzana responde.

- Eu nem sei se tenho forças para me levantar - Laura diz.

- Eu ajudo vocês. Não há nada melhor que estar perto daqueles que mais amamos para passar por um momento tão difícil. Eric não vai ficar sozinho, ele tem os pais dele que irão ficar com ele, agora é focar em vocês - Suzana fala.

- O problema é que não corremos risco de vida - Você diz.

- Eu sei, mas não se preocupe, Eric está em boas mãos - Suzana fala.

- Então acho que é melhor irmos S/N, Eric deve ser transferido para o hospital da Casta de Hefesto e nós poderemos visitá-lo lá - Laura diz.

- Tem razão - Você fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 15

Suzana ajuda você e Laura se levantarem para sair do hospital e ir em direção ao local onde os representantes estavam esperando por vocês para irem para Casta de Hefesto.

- Foi um prazer acompanhar vocês nessa competição. Acredito que vocês tiveram alguns dos melhores desempenhos que já vi em anos trabalhando - Diz Suzana.

- Obrigado(a) - Você fala.

- Boa sorte nessa nova fase da vida de vocês - Suzana diz.

- Obrigada - Laura fala.

- Sei que Sam iria querer que vocês se tornassem guerreiros(as) e que continuassem lutando para manter o sonho dele(a) vivo - Suzana diz.

- É, talvez - Laura fala.

- Sam pode ter morrido em vida, mas sempre viverá no coração e na mente de vocês, então honre essa vida vivendo o melhor que vocês podem - Suzana diz.

- Nós iremos tentar - Você fala.

- Até algum dia crianças, foi um prazer conhecer vocês - Suzana diz com lágrimas nos olhos abraçando Laura e depois você.

- Até Suzana - Laura fala.

- Boa sorte S/N, estou tão orgulhosa de você - Suzana sussurra em seu ouvido.

- Obrigado(a) e até algum dia - Você fala.

- Se cuidem crianças - Suzana fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 16

Imagem da cena

- Nunca odiei tanto essa mulher quanto estou odiando agora - Diz Laura assim que vocês se afastam de Suzana.

- Eu entendo - Você fala.

- Ela usou Sam para que nós sejamos guerreiros(as) - Laura diz revirando os olhos.

- Verdade, foi baixo até para ela - Você fala.

- Então nos vemos na Casta de Hefesto? - Laura pergunta.

- Sim, até logo - Você responde.

- Até S/N - Laura diz te puxando para um abraço.

Você percebe que assim que te abraça, Laura começa a chorar novamente e te apertava muito como se estivesse com medo de se despedir.

- Não se preocupe, assim que chegar lá, pode ir me procurar que você sabe onde me encontrar - Você fala.

- É bom mesmo, não aguento mais perder ninguém - Ela diz.

- Você não vai me perder, não se preocupe - Você fala.

- Eu realmente espero que não, não aguento perder mais ninguém em minha vida - Ela diz.

- Não se preocupe, agora vá - Você fala.

- Certo, tchau - Ela diz.

Você fica assistindo Laura caminhando em direção ao carro até que ela acena de longe e finalmente entra, assim que o carro em que Laura estava começa a se mover, você caminha em direção ao carro que iria te levar até a Casta de Hefesto. O motorista seria o representante de sempre, mas ele percebia que você não estava bem, então apenas se cumprimentam rápido e logo você entra no carro. Você nem tenta conversar muito com ele pois tudo o que queria naquele momento era ficar em silêncio para processar tudo o que tinha acabado de acontecer, agora não tinha Laura, então não precisava fingir nada e podia chorar o quanto quisesse já que seu coração estava tão apertado e precisava desabafar. Seria bem difícil processar que nunca mais iria ver Sam novamente em sua vida, será que você iria conseguir lidar com isso?

Continua depois da publicidade
Gostou do capítulo?

Continua no próximo capítulo

Próximo Capítulo / Continue jogando

Adicione à sua biblioteca para ser notificado(a) de novas publicações!

O que você achou deste capítulo?
Anankke

Anankke MISS!!! Não acredito que você fez isso! Sam é meu tudooooo 😭
Porém…eu não vou me desesperar porque tenho uma teoria…
Acredito que o que Sam queria dizer para S/N no final da prova de Zeus não era apenas seus sentimentos, mas também confessar que era um rebelde ou algo do tipo. O que quer dizer que ele/a não morreu. Na verdade foi descoberto/a pelos deuses e então eles decidiram fingir a a morte dele/a, ou (e agora se preparem pra surtar kkkkkkkkk) os rebeldes resgataram Sam, e foi por isso que Suzana não deixou Laura e S/N visitarem ele/a, afinal ele/a nunca esteve no hospital. Então para disfarçar o sumiço/a rebeldia de Sam, os superiores decidiram dizer que ele/a morreu.
O que nos leva á…SAM VIVE!!!

Miss, por favor, me prove que estou certa, porque se não eu vou surtar!!!!!
Mas apesar de toda a dor, o capítulo está sensacional como sempre! Obrigada ❤️

9/04/21 27 ResponderMais
Nally

Nally NÃOOOOOOOOO.. Diz q n é vdd, diz q é ilusão, um pesadelo, uma mentira q contaram pra eles, q Sam tá viva e bem, me dê uma ponta de esperança, por favor,...🥺Agr sei o pq n teve nenhum beijo ou algo do tipo entre eles, pq Sam ia morrer... Desde o início s/N iria ficar com Taylor, agr sem Sam o caminho fica livre, tá, mas eu ñ queria q Sam morresse... Será q ela deixou uma carta ou algo do tipo falando o q ela smp escondia? Será q ela tá viva e os superiores levaram ela pra um lugar pra q ela n conte o q ela sabe? Tipo aquela cidade da prova q as pessoas vão... Eu não quero q Sam teja morta😬🥺🥺🥺😪😪💔💔💔

9/04/21 25 ResponderMais
Kailane

Kailane 😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭...

EU ESTOU CHORANDO REAL !!! (DE VERDADE MESMO )

@MISS , NÃO FAZ ISSO COMIGO NÃO !!!

😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭❤️❤️❤️❤️😭😭😭😭😭❤️😭😭😭😭😭😭😭😭😭❤️😭😭😭😭😭😭😭😭😭❤️😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭❤️❤️❤️❤️😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭❤️😭😭😭😭😭😭😭😭😭❤️😭😭😭😭😭😭😭😭😭❤️😭😭😭😭😭😭😭😭❤️😭😭😭😭😭😭❤️❤️❤️😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭❤️❤️❤️😭😭😭😭😭😭❤️😭😭😭❤️😭😭😭😭😭❤️😭😭😭❤️😭😭😭😭😭❤️😭😭😭❤️😭😭😭😭😭❤️❤️❤️❤️❤️😭😭😭😭😭❤️😭😭😭❤️😭😭😭😭😭❤️😭😭😭❤️😭😭😭😭😭❤️😭😭😭❤️😭😭😭😭😭❤️😭😭😭❤️😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭❤️❤️😭😭❤️❤️😭😭😭😭❤️😭❤️❤️😭❤️😭😭😭😭❤️😭 ❤️ 😭❤️😭😭😭😭❤️😭😭😭😭❤️😭😭😭😭❤️😭😭😭😭❤️😭😭😭😭❤️😭😭😭😭❤️😭😭😭😭❤️😭😭😭😭❤️😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭

MEU ETERNO SAM !!!

E
U

T
E

A
M
O

S
A
M

❤️

9/04/21 13 ResponderMais
Trio Maravilha

Trio Maravilha ELE NAO ESTÁ MORTO.
É A MESMA SITUAÇÃO DO PAI DA S/N. SAM É UMA AMEAÇA AOS DEUSES E SUPERIORES...

E SE OS DEUSES O MATARAM AO INVÉS DOS FERIMENTOS ?

E SE A MORTE DO S/E FOI PELOS DEUSES? COMO A MÃE SUSPEITA QUE TEM ALGO A MAIS NA HISTORIA.

E SE OS DEUSES MATARAM AMBOS POIS O S/E TAMBEM ERA DESCONFIADO IGUAL AO SAM?

E SE ELES FORAM MORTOS POR SEREM PARCEIROS "ROMATICOS" DA S/N? A QUEM ELES OBSERVAM E TEM COMO UMA DAS FAVORITAS.

EU ODEIO OS DEUSES! 😡🤬

LAURA ESTÁ A UM PASSO PARA SE TORNAR UMA REBELDE. SE ELES A CHAMASSEM AGORA ELA NÃO NEGARIA, NAO DEPOIS DE TUDO O QUE HOUVE.

ELE NÃO ESTA MORTO, POR FAVOR QUE ELE NAO ESTEJA MORTO😭😭

9/04/21 11 ResponderMais
conta desativada

conta desativada Miss, eu não acredito! Papai do céu, eu só te peço o Sam de volta, é pedir muito?? Cristo amado, só Deus sabe a tristeza que eu tô 💔

9/04/21 10 ResponderMais
Luck C 😜👽🖖

Luck C 😜👽🖖 NÃOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!!!!!! 😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭😭 Tem que ter um jeito de mudar isso!!! Tem que!!!!!!
Eu esperava que isso acontece, mas tem que ter um jeito de mudar isso!!! Tem que!!!
Acho que se não tiver um jeito de mudar isso, vou ficar bem calado, esperar ganhar os poderes de todos os deuses e REBELIÃO!!!

9/04/21 8 ResponderMais
𝙴𝚞𝚣𝚒𝚗𝚑𝚊_𝙱𝚛

𝙴𝚞𝚣𝚒𝚗𝚑𝚊_𝙱𝚛 Eu simplesmente não tenho palavras pra expressar esse capítulo, tipo, no começo tava tudo ótimo, tudo tava uma maravilha pq elas se tornaram guerreiras junto com Eric, Sam e Taylor então tava tudo lindo, perfeito e maravilhoso.

Agora me vir com uma noticia dessas me abalo completamente, por mais que eu não shippase Sam e S/n, Sam era super importante na história, todas as teorias malucas que faziam minha cabeça criar paranoias.

Eu tô literalmente chocada, eu ainda não consigo raciocinar que ele morreu, é algo que eu nunca iria imaginar, nunca iria imaginar que: Eric, Laura, S/n, Sam e Taylor iriam poder se machucar ou até morrer.

Capítulo Chocante!

9/04/21 7 ResponderMais
clary pattinson

clary pattinson miss eu tô chorando meu deus eu tô tao triste :((

9/04/21 6 ResponderMais
@;;𝙠𝙖𝙤𝙧𝙤𝙠𝙖𝙩𝙞𝙚

@;;𝙠𝙖𝙤𝙧𝙤𝙠𝙖𝙩𝙞𝙚 ...Sam............. morreu...........
Eu juro, eu chorei tanto, Miss, que chegava a >>soluçar<<.....
Eu já nem sei mais o que eu faço, a minha vida não faz mais sentido sem ele(a). Se o Eric morrer também eu desisto.
Mas como sei que a esperança é a última que morre, vai que ele(a) tá vivo(a), não é? Se realmente estiver morto(a), não sei se vou conseguir superar.
Já não bastava eu chorar no capítulo 139 de Attack on Titan e vc me vem com essa. Vc é malvada, Miss kkkkk

Olhando pelo lado positivo, S/N, Laura, Taylor e Eric conseguiram se tornar guerreiros, isso pelo menos me alegrou um pouco.

Sério, eu só consigo imaginar Sam aparecendo vivo(a) do nada e dando um abraço em S/N e Laura, e aí dps ele(a) confessa seus sentimentos por S/N.. Eu sei, me iludo muito fácil KKKK

Se Sam definitivamente morreu, espero que descanse em paz, junto com todos os alunos que não resistiram a essa porcaria de competição..

Agora é só esperar pelo o que vem pela frente, uma vida puxada de guerreiro.
Laura estava com tanto ódio pelos Deuses que não acho difícil ela se tornar rebelde. O que eles fazem é tão cruel que o único jeito de mudar isso é uma rebelião ou revolução, até uma guerra se for preciso.
Nada vai se resolver simplesmente do nada sem nenhuma ação, e até acho que o diálogo não resolveria.
Só temos que aguardar....

Não sei o que dizer desse capítulo, mas foi triste de mais, provavelmente vou passar o dia inteiro cabisbaixa.
Mas vc escreve muito bem, não é atoa que as suas são as melhores fanfics que eu já li. Parabéns mesmo :) ✨🤍

9/04/21 6 ResponderMais
Brenda-Chan

Brenda-Chan eu tenho certeza que Sam NÃO morreu. Pode ter acontecido qualquer coisa mas eu sei que ele tá vivo.Talvez ele é um rebelde e os outros levaram ele embora, ou os superiores deixaram ele vivo e só forjaram a morte dele pra s/n aprender a não se apegar às pessoas, mas eu sei que ele tá vivo!!! (ou talvez eu só esteja me iludindo pra não aceitar a realidade)

9/04/21 6 ResponderMais
Cancelar