ØLYMPIA
12

ØLYMPIA Capítulo 160

Agonia

Publicado em 14/04/2021

Após a mensagem do pai de Eric, tudo o que S/N e Laura mais querem saber é o que ele tem para contar.

Continua depois da publicidade

Cena 1

Você dormia tranquilamente quando acorda com o som de seu celular vibrando e logo abre seus olhos para descobrir o que estava acontecendo. Depois de uma certa dificuldade até que seus olhos se acostumassem com a claridade, percebe que eram mensagens de Laura, então sabia que deveria ser algo importante.

Laura: S/N!
Laura: Bom dia
Laura: Já acordou?
Laura: Você ainda está dormindo?
Você: Oi
Você: Bom dia
Você: Acabei de acordar
Laura: Eu te acordei? Sinto muito
Você: Está tudo bem, não se preocupe
Laura: Como você está?
Você: Estou bem e você?
Laura: Eu estou bem
Laura: Ansiosa, mas bem
Você: Entendo, também estou bem ansioso(a) para hoje
Laura: Nem sei como consegui dormir, estou tão nervosa, acho que vou enlouquecer
Você: Também me sinto assim, mas vamos tentar pensar positivo
Laura: Verdade
Laura: Por mais difícil que seja, estou tentando me manter positiva, mas está sendo bem difícil
Você: Eu sei e te entendo, mas não vamos perder a esperança
Laura: Tem razão
Laura: Vou tomar meu café da manhã e me arrumar
Laura: Assim que terminar, passo aí na sua casa
Você: Certo, estarei aqui te esperando
Laura: Até daqui a pouco
Você: Até

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 2

Assim que termina de falar com Laura, você ainda passa um tempinho em sua cama pois tinha sido acordado(a) no susto e então ainda estava se despertando para poder se levantar.

Mesmo estando na segurança de sua casa e no conforto de sua cama, foi bem difícil para conseguir dormir pois não conseguia parar de pensar em Eric e muito menos no que poderia acontecer com ele. Era assustador pensar que hoje poderia receber uma ótima notícia ou uma péssima notícia sobre o estado de saúde dele, não dava nem para saber se queria que esse momento chegasse logo ou se preferia adiar o máximo que pudesse.

Lidar com a perda de Sam e a despedida do representante já estava sendo bem difícil em sua vida, então seria ainda pior se descobrisse que Eric piorou ou até mesmo algo ainda mais grave tivesse acontecido.

Ainda que estivesse com muito medo de descobrir a verdade, sabia que aquilo era necessário para finalmente descobrir se poderia sofrer com ainda mais intensidade ou se teria um momento de alegria em meio a tanta tristeza que estava vivendo em sua vida naquele momento.

Por mais difícil que fosse, precisava se manter forte e principalmente otimista para esperar para descobrir o que estava lhe aguardando, isso não seria algo fácil para fazer, mas era necessário e você sabia disso.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 3

Após fazer sua higiene pessoal, tomar seu banho e se arrumar, você foi em direção a cozinha para tomar seu café da manhã. Assim que chegou na cozinha, viu que sua mãe e seu irmão estavam na mesa.

- Bom dia - Você diz.

- Bom dia - Eles falam.

- Dormiu bem? - Sua mãe pergunta.

- Sim e vocês? - Você pergunta.

- Eu dormi muito bem, sempre durmo bem quando estou com meus filhos - Sua mãe responde sorridente.

- Eu também dormi bem - Seu irmão responde.

- Que bom ouvir isso - Sua mãe fala.

- Como foi sua primeira noite em casa depois de tanto tempo? - Seu irmão pergunta.

- Foi ótimo, nada melhor que um quarto só para você e uma cama bem aconchegante de verdade - Você responde.

- Verdade, tinha esquecido que na competição tem que dividir o quarto com outras pessoas - Sua mãe fala.

- Que coisa horrível, amo minha privacidade - Seu irmão diz.

- Então é bom se acostumar pois são quatro pessoas em uma cabana minúscula - Você fala rindo.

- Que filme de terror - Seu irmão diz.

- Você não faz ideia - Você fala.

- Mas será menos difícil já que você irá ficar com seus amigos - Sua mãe diz.

- Amigos amigos, negócios a parte. Não vou deixar que meus amigos fiquem acima ou me atrapalhem na competição - Ele fala.

- Nossa, não esperava por essa - Você diz surpreso(a).

- Que frieza menino, para quê tudo isso? - Sua mãe pergunta.

- É a verdade, vocês sabem disso - Seu irmão responde.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 4

- Vocês tem algum plano para hoje? - Sua mãe pergunta.

- Não e você? - Seu irmão pergunta.

- Eu não tenho nada - Sua mãe responde.

- Eu deixei meu dia livre para que S/N me ajudasse a treinar - Seu irmão diz animado.

- Querido, S/N acabou de chegar, ainda está se recuperando das provas que passou, vamos dar um tempo para ele(a) - Sua mãe fala.

- Claro que não, S/N é forte - Seu irmã diz.

- Sinto muito, mas hoje não posso - Você fala.

- Sério? - Ele pergunta.

- Sim, mas prometo que vou ter um momento só para treinar com você - Você responde.

- Promete? Não aguento mais esperar por esse treino que nunca chega - Ele diz.

- Eu sei e sinto muito por isso - Você fala.

- Então apenas prometa que vai treinar comigo da próxima vez e está tudo certo - Ele diz.

- Eu prometo, você vai se cansar de treinar comigo - Você fala rindo.

- É bom mesmo - Ele diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 5

- Qual é o seu compromisso de hoje? - Sua mãe pergunta.

- Eu e Laura vamos sair - Você responde.

- Vai me trocar para ver sua amiga que passou 24 horas ao lado? - Seu irmão pergunta.

- Não é isso, não tem nada a ver, não seja dramático - Você responde.

- Entendo, já devem estar com saudade - Sua mãe fala rindo.

- Não, não é isso. Estamos indo ver o Eric - Você diz.

- Vocês tiveram notícia sobre ele? - Sua mãe pergunta.

- Ainda não, estamos indo para descobrir - Você responde.

- Entendo, então ninguém deu notícias ainda? - Sua mãe pergunta.

- Não, o pai do Eric pediu para que nós fossemos até a casa dele - Você responde.

- Então devem ser boas notícias né? Se fosse algo ruim seria no hospital - Diz seu irmão.

- É, também acho que sim - Você fala forçando um sorriso.

- Eu também penso o mesmo, com certeza notícias boas estão vindo por aí - Sua mãe diz sorridente.

- Eu espero que sim - Você fala.

- Pode acreditar amor, eu sei o que falo - Sua mãe diz.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 6

Você, sua mãe e seu irmão passaram um tempo conversando enquanto tomavam café da manhã, até que teve que se despedir deles para terminar de se arrumar e esperar por Laura que logo deveria chegar para que vocês pudessem ir a casa da família de Eric.

O tempo realmente não parecia estar a seu favor pois mesmo se arrumando rápido, as horas pareciam não passar e uma simples espera estava se tornando uma verdadeira eternidade. Todo novo som que escutava, já ficava na esperança de que fosse Laura que estava chegando, mas infelizmente nunca era ela.

Aquele era um péssimo momento para Laura ter que se atrasar pois já na bastava o nervosismo em relação a preocupação pelo estado de saúde de Eric, agora também tinha que lidar com o nervosismo pela espera interminável que parecia nunca ter fim.

Chegava a ser cômico como Laura sempre era alguém muito responsável e extremamente pontual, mas logo naquele momento ela tinha que se atrasar e ainda não mandar uma mensagem ou ligar para dizer se algo tinha acontecido. Parecia que a qualquer momento você iria enlouquecer de tanto que sua mente tinha tantos pensamentos ao mesmo momento, aquilo era péssimo.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 7

Depois de muito tempo, finalmente escuta o som da campainha e logo corre em direção a porta para abrir e para sua alegria, era realmente Laura, então se despediu de sua mãe e de seu irmão e vocês foram em direção a casa da família de Eric.

Como sua casa era bem próxima a de Eric, você e Laura puderam ir caminhando até lá, o que era bom para se preparar mentalmente para o que poderia acontecer.

- Como você está? - Ela pergunta.

- Bem nervoso(a) e você? - Você pergunta.

- Na mesma situação, parece que vou vomitar a qualquer momento - Ela responde.

- Entendo e compartilho do mesmo sentimento - Você fala.

- Perder Sam já foi algo muito difícil, mas nada se compara com o medo que tenho de perder alguém da minha família, você ou Eric - Ela diz.

- Eu sei, mas não se preocupe, tenho certeza que vai dar tudo certo - Você fala.

- Eu realmente espero que sim. Estava pensando em tantas coisas enquanto me preparava - Ela diz.

- Que tipo de coisas? - Você pergunta.

- Eu pensei que se nós estamos indo para a casa de Eric, tem uma chance de ser uma notícia boa pois pode significar que ele recebeu alta e está em casa - Laura responde.

- É uma boa teoria - Você fala.

- Mas ao mesmo tempo fico pensando se eles não chamaram a gente para dar a notícia da morte do Eric na casa deles para que não tenhamos que passar por esse momento tão difícil dentro do hospital - Ela diz.

- Isso também é uma teoria possível - Você fala.

- Qual você acha mais possível? - Ela pergunta.

Continua depois da publicidade
  • As duas teorias são bem possíveis
  • Não faço a menor ideia
  • Acredito que ele vai estar bem em casa
  • Acho que tem a chance de recebermos a notícia da morte dele

Cena 8

- E o que você pensa? - Você pergunta.

- Eu estou torcendo tanto para encontrar Eric lá, mesmo que seja com ele ainda desacordado - Laura responde.

- Será que ele ainda vai estar desacordado? - Você pergunta.

- É uma possibilidade, mas ainda melhor do que uma notícia ruim - Ela responde.

- Verdade - Você fala.

- Qualquer coisa é melhor que a pior notícia - Ela diz.

- Exatamente - Você fala.

- Sei que esse é um momento bem difícil em nossas vidas, principalmente que passamos por algo bem parecido a pouco tempo - Diz Laura.

- Verdade, nem acredito que estamos vivendo isso em um espaço tão curto de tempo - Você fala.

- Eu sei, é algo bem difícil de se lidar, mas estou feliz de ter você aqui comigo, não sei se conseguiria passar por isso sem você - Ela diz.

- Eu também me sinto da mesma forma - Você fala.

- Obrigada por estar aqui - Ela diz.

- Eu também te agradeço por estar aqui comigo - Você fala.

- Seja lá o que aconteça, iremos enfrentar juntos(as) - Ela diz.

- Eu concordo - Você fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 9

Depois de andar por um tempo, finalmente vocês chegam na casa de Eric e logo seu coração começa a acelerar de ansiedade, parecia até que você estava prestes a entrar em uma prova.

Finalmente, após apertar a campainha, o pai de Eric abre a porta e dá um leve sorriso para vocês, ele estava com um olhar cansado, então era difícil de tentar saber o que estava acontecendo.

- Olá - Diz o pai de Eric.

- Oi - Vocês falam.

- Como vocês estão? - Ele pergunta.

- Estamos bem e o senhor? - Você pergunta.

- Estou bem, na medida do possível é claro - Ele responde.

- Entendemos, estamos passando pela mesma situação - Você fala.

- E como está a sua esposa? - Laura pergunta.

- Ela está bem mal, estamos passando por um momento difícil desde o dia do combate - Ele responde.

- Vocês assistiram? - Você pergunta.

- Sim, sei que foi um erro, mas estávamos tão esperançosos. Vocês sabem o quanto sempre quis que Eric se tornasse um guerreiro - Ele responde.

- É, sabemos - Laura fala.

- Eu esperava que ele lutasse bravamente, mas quando vi o final da luta, já estava desesperado imaginando o pior. Foi horrível, queria poder apagar da minha mente tudo aquilo - Ele diz.

- Sentimos muito pelo senhor e sua esposa, se não foi fácil para nós, imagino o quão pior foi para vocês - Você fala.

- Foi bem horrível, mas quero parabenizar vocês, as lutas foram incríveis - Ele diz.

- Obrigada - Laura fala.

- Imagino que vocês tenham conseguido serem guerreiros(as) - Ele diz.

- Sim, conseguimos - Você fala.

- E qual Casta escolheram? - Ele pergunta.

Continua depois da publicidade
  • Zeus
  • Poseidon
  • Ártemis
  • Atena
  • Apolo
  • Afrodite
  • Ares
  • Dionísio
  • Deméter
  • Hera
  • Hermes
  • Hefesto

Cena 10

- Eu resolvi me manter na Casta de Atena - Diz Laura.

- Como era de se esperar, vocês sempre tiveram bom gosto - O pai de Eric fala.

- Nós agradecemos - Laura diz.

- Imagino que suas famílias devem estar muito orgulhosas - Ele fala.

- Acredito que eles devem estar ainda mais felizes por estarmos bem e em segurança - Laura diz.

- Verdade, não há nada melhor do que a segurança e saúde de quem a gente ama, nesse momento eu percebi muito - Ele fala.

- Mas o senhor também deve estar feliz pois o Eric também conseguiu ser guerreiro - Você diz.

- Eu estou muito feliz e orgulhoso, mas infelizmente nem consigo comemorar isso devido a situação - Ele fala.

- Nós sentimos muito pelo o que aconteceu com Eric - Você diz.

- Agradeço, sei que vocês sempre foram duas pessoas que sempre estiveram ao lado do meu filho e sempre vou ser grato por isso - Ele fala.

- Não nos agradeça, Eric é muito importante para nós - Laura diz.

- Não há como não agradecer, nem todos tem a chance de ter uma amizade como a de vocês - Ele fala.

- É, o senhor não é o primeiro a nos dizer isso - Laura diz.

- É notável essa forte amizade que vocês três possuem, não há como não se admirar - Ele fala.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 11

- Mas o que o senhor queria falar conosco? - Laura pergunta.

- Verdade, estamos loucos(as) para saber o que está acontecendo - Você fala.

- Ah, verdade, vamos ao que realmente interessa - Diz o pai de Eric.

- E o que seria? - Você pergunta.

- Eu tenho duas notícias bem importantes para dar para vocês - Ele responde.

- E o que seria? - Laura pergunta.

- A ótima notícia é que Eric finalmente acordou - Ele responde feliz.

- Que ótima notícia - Você fala comemorando.

- Que bom saber disso, nem consigo acreditar - Diz Laura pulando de alegria.

- Sabia que vocês iriam ficar felizes com essa notícia - Ele fala.

- E qual é a outra notícia? - Você pergunta.

- A outra notícia é que vamos poder trazer Eric para casa. Ele finalmente vai sair daquele hospital - Ele responde.

- É sério? - Você fala sem acreditar.

- Sim, pode acreditar - Ele responde sorridente.

- Eu tô tão feliz que nem acredito - Laura fala comemorando e pulando em você para te abraçar.

- Eu também não acredito, o senhor não está mentindo para nós né? - Você diz em choque.

- Claro que não, nunca brincaria com isso - Ele responde.

Continua depois da publicidade
  • Avançar

Cena 12

- Eu estou muito feliz com essa novidade, mas posso perguntar algo? - Você pergunta.

- Claro que sim - O pai de Eric responde.

- Por qual motivo o senhor nos convidou para vir aqui na casa ao invés de nos encontrarmos no hospital? - Você pergunta.

- Verdade, também não entendi isso. O hospital só está aceitando visitas de familiares? - Laura pergunta.

- Não, não é isso. Eu planejei algo - Ele responde.

- Como assim? - Você pergunta.

- Eu quero que vocês fiquem aqui para fazer uma surpresa para ele pois sei que ele vai adorar ver vocês - Ele responde.

- Eu amei a ideia - Laura diz animada.

- Eu imaginei que vocês iriam gostar. Estou indo buscar o Eric e a mãe dele lá no hospital e iremos trazer ele aqui - Ele fala.

- Certo, o senhor pode ir que nós iremos cuidar de tudo aqui - Diz Laura.

- Sabia que poderia contar com vocês crianças - Ele fala saindo deixando apenas vocês.

- S/N, você sabe o que está acontecendo? - Laura pergunta assim que o pai de Eric sai.

- Sim, Eric está bem - Você responde feliz.

- Daqui a alguns minutos iremos ver Eric depois de tanto tempo - Laura diz sorridente.

- Verdade, nem consigo acreditar - Você fala.

- Se prepare, pois logo isso se tornará realidade e temos que preparar tudo - Laura diz sorridente.

Continua depois da publicidade
Gostou do capítulo?

Continua no próximo capítulo

Próximo Capítulo / Continue jogando

Adicione à sua biblioteca para ser notificado(a) de novas publicações!

O que você achou deste capítulo?
Maria Vitória

Maria Vitória Ei, revive o Sam aí rapidinho vai

14/04/21 37 ResponderMais
ManuellaPacca

ManuellaPacca Aaaaaaaaaaaaaaa Miss até q valeu a pena ficar ontem a maioria do dia sem comer pq misericórdia que capítulo perfeitoooo! O único problema vai ser contar para o Eric sobre a morte de Sam.... Ele gostava muito dele(a) e sempre torcia para q ficassemos juntos... Ai vou chorar inferno kkkkkkk. Miss a pergunta que não quer calar é: eu vou poder ir no enterro do(a) Sam? Nunca te pedi nada, mentira já te pedi muita coisa, aiai coitada de vc e das outras pessoas q lêem meus comentários kkkkk aguentam meus surtos diários.

14/04/21 17 ResponderMais
Felipe Lopes

Felipe Lopes Ei, revive Sam aí pra eu testar um negócio rapidão

14/04/21 12 ResponderMais
João Alex Pinheiro

João Alex Pinheiro Eu fico muito feliz que Eric se recuperou e que vai voltar pra casa e vai rever os amigos miss que cap perfeito eu amei que pena que essa fic marivilhosa ta acabando e so de saber que eu acompanhei as aventuras de sn do inicio ate o fim

14/04/21 11 ResponderMais
Nally

Nally AAAAAAAAAHHHHHHHHHH ERIC TA BEEEEMMMM, AGHHGH ELE ACORDOUUUUUU, VEM PRA CASAA AHHH😍😍Aí q felicidade q tô, bem q eu disse q era ele q tava bem, q era notícia ótimas... Meus guerreiros tão bem😍😍😍 Agr só quero o/a Sam viva😪

14/04/21 8 ResponderMais
𝑭𝒆𝒍𝒊𝒙 𝒍𝒆𝒆 💖🌈✨

𝑭𝒆𝒍𝒊𝒙 𝒍𝒆𝒆 💖🌈✨ CAPITULO MARAVILHOSO , SO FALTOU O SAM , REVIVE ELE NAMORAL

14/04/21 7 ResponderMais
Elizabeth

Elizabeth Só queria o sam aqui comigo 😔

14/04/21 6 ResponderMais
LeBlanc_Fox

LeBlanc_Fox Eu fico só imaginando quando Eric receber a notícia que Sam morreu. Vai ser triste.

Eu quase chorei quando lia o nome Sam, mas ainda não tenho tanta certeza se ele morreu. Eu fico falando pra mim mesma que Sam está vivo. Mas também o jeito em que ele se despediu no combate faz meu coração ficar apertado e com dúvidas

14/04/21 6 ResponderMais
Luck C 😜👽🖖

Luck C 😜👽🖖 EBAAA!!! Ameiiiiii!!! Eric está bem!!!!! Uhhulll!!! Amei 😍😍😍

14/04/21 3 ResponderMais
Franklin Lins

Franklin Lins Agora sim, muito obrigado miss mais um excelente capítulo 😘😘

14/04/21 3 ResponderMais
Cancelar