Endividados
14

Endividados Capítulo 4

03 | Conversa suspeita

Publicado em 22/06/2022

Me perdoe pelos erros ortográficos e tenha uma boa leitura ❤️

PS: O capítulo não está com muitas imagens, pois não consegui achar muitas 🥺

Continua depois da publicidade

Cena 1

Imagem da cena

Primeiramente gostaria de agradecer pelas 300 leituras, vocês não incríveis! ❤️

Continua depois da publicidade
  • Muito obrigada e tenha uma boa leitura

Cena 2

Imagem da cena

. . .

Continua depois da publicidade
  • ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Cena 3

Imagem da cena

— Quando você disse que ela era tonta eu não pensei que fosse nesse nível. — O homem de terno fala e abre um sorriso amargo.

— Pois é, Senhor Park — A mulher de vermelho concorda convencida, bebericando o último gole de seu vinho — Aquela idiota não perde por esperar... Vai me pagar por tudo o que fez.

Continua depois da publicidade
  • 🧐 | 🤫

Cena 4

P.O.V So-hyun

— Obrigada por ter vindo me deixar aqui — Agradeço Jun.

— Essas são suas coisas? — Ele questiona olhando fixamente para todos as roupas e objetos despejados na calçada.

— Minhas e de Jina — Dou de ombros.

Não queria que ele se preocupasse e não é como se ele fosse se preocupar.

Apenas queria cavar um buraco e me esconder nele, toda essa situação é humilhante.

— Tem certeza de que vai ficar bem?

— Uhum — Murmurei — Melhor você ir agora.

Jun olha uma última vez para mim e para as minhas coisas no chão e então ele vai embora, sem dizer um "piu".

Continua depois da publicidade
  • 🙁

Cena 5

Vejo Jina conversando com um homem de macacão azul, provavelmente ele é um dos que foram contratados para "limpar" o apartamento que ficávamos.

— Hyun! — Jina exclama ao me ver.

Ela corre em minha direção, ignorando totalmente o homem com quem estava conversando.

— Oh, So-hyun... Eu sinto muito, muito, muito — Ela diz abaixando a cabeça.

Não era culpa de Jina, ela havia pago a parte dela, mas eu não. A culpa era minha.

— Ei, não é culpa sua — Acalmo-a bagunçado os seus cabelos — Vamos? Já vai escurecer, não podemos deixar nossas coisas aqui.

— Vamos? Vamos para onde? Não temos nem onde dormir...

— Podemos achar um lugar barato para passar a noite, o que acha? Tenho um pouco de dinheiro e amanhã meu salário cai na conta, mesmo que não seja muito... Mas podemos juntar nosso dinheiro e dar entrada em algum lugar.

Jina ficou pensativa, não a culparia se ela não quisesse mais morar comigo, mas sua resposta foi totalmente inesperada:

— Claro, vamos lá!

Começamos a colocar nossas coisas em mochilas e em uma mala grande que tínhamos, porém algumas coisas ainda tiveram de ficar para trás.

Continua depois da publicidade
  • ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Cena 6

Imagem da cena

. . .

Continua depois da publicidade
  • ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Cena 7

Imagem da cena

P.O.V In-yeop

💭 Sr. Park?

Ao ver meu chefe me esperando em frente a loja de música o meu sangue gela. Começo a me arrepender de tudo o que fiz hoje...

Me arrependo de ter saído para almoçar, de ter atropelado a So-hyun (mesmo que tenha sido sem querer), me arrependo de não ter contado que sou pobre e de não ter dito o meu nome real... Tudo seria evitado se eu tivesse falado a verdade, mas agora não tem mais volta.

— Hwang In-yeop — O senhor Park pronuncia meu nome com desgosto — Não tem medo de ser demitido? Que eu saiba você tem muitas coisas para pagar, certo?

— Sim senhor — Concordo.

— Não tem medo de ser demitido moleque? — Ele repente a pergunta chegando mais perto.

— Claro que tenho, senhor — Engulo seco.

O celular dele toca e vejo o nome do contato de reflexo:
" Senhorita Jung"

— Espero que essa seja a primeira e última vez que isso acontece. — Senhor Park conclui o sermão.

Ele se afasta rapidamente e a última coisa que vejo antes de ele desaparecer nas ruas é ele atendendo o telefone.

Continua depois da publicidade
  • ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Cena 8

É estranho o fato de que e estava prestes a me demitir, mas simplesmente deixou de lado após a ligação da tal "Senhorita Jung".

Mas não importa, melhor agradecer e ir embora antes que escureça.

Continua depois da publicidade
  • 🤨

Cena 9

P.OV So-hyun

Conseguimos um quarto em uma casa de banho. Temos de dormir no chão úmido, mas foi a única coisa que meu dinheiro conseguiu pagar.

Me viro de uma lado para o outro sem conseguir dormir.

— Jia? — Chamo, queria alguém para conversar, mas ela não me respondeu.

Vou até onde ela está deitada, um emaranhado de lençóis não muito distante de onde eu estou deitada, mas ela não está aqui.

💭Onde ela se meteu?

Ao me aproximar da porta escuto a voz de Jia conversando com outra pessoa que não consigo indentificar.

Continua depois da publicidade
  • 👀

Cena 10

Imaginem que ela está ouvindo de trás da porta 🚪
Imaginem que ela está ouvindo de trás da porta 🚪

— Tem certeza que ela está dormindo? — A voz, provavelmente de um homem de meia idade, se fez presente do lado de fora.

— Sim — Ouço Jia concordar — So-hyun estava muito cansada.

💭Porque ela esta falando de mim para alguém que nem conheço?

— Ótimo! — O homem disse — Você sabe quando o salário dela vai cair?

— Amanhã de tarde.

Mas o que? Por que Jia está falando sobre isso? Com quem ela está conversando?

Continua depois da publicidade
  • ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Cena 11

Imagem da cena

Continua...

Continua depois da publicidade
Gostou do capítulo?

Continua no próximo capítulo

O capítulo não foi relido e eu escrevi pelo celular, então se o corretor tiver mudado alguma palavra ou tiver algum erro me perdoem ☺️

Irei revisar depois~

- ᥣᥱꪀꪱꪀℎᥲ⠀੭⠀𔘓⠀!
Próximo Capítulo / Continue jogando

Adicione à sua biblioteca para ser notificado(a) de novas publicações!

O que você achou deste capítulo?
•´¯`•» ᗩᑎᑎE «•´¯`•

•´¯`•» ᗩᑎᑎE «•´¯`• O capítulo ficou muito bom (Como sempre ❤️) e eu estou aqui cheia de teorias 📝 kkkkk

22/06/22 2 ResponderMais
salma com l

salma com l será que a jina é uma traidora? 🤨

23/06/22 0 ResponderMais
Cancelar