Verônica Miller

Verônica Miller

240
°/Meu intercâmbio/° Segunda temporada
14

°/Meu intercâmbio/° Segunda temporada Capítulo 48

Capítulo 48

Oi minha gente!
Bom...Eu postaria hoje somente na madrugada mas aconteceu um empregador e eu consegui ficar sozinha.
Se der eu posto mais de noite, beijos!

Continua depois da publicidade

Cena 1

00:22 A.M

Estávamos andando pela rua, pegamos três táxis até chegar lá mas valeu a pena! A rua estava vazia, nem carros passavam por ali é um pouco mais à frente o nosso destino nos esperava, um barranco alto cheio de árvores em volta. Penso que alguém as plantou para esconder o maravilhoso lugar mas nós dois o achamos e pretendíamos ficar a noite toda lá, compramos doces e uma pizza antes de começar a nossa longa caminhada.

Dylan- Será que é bonito mesmo?

-Claro que é! Eu tenho certeza!

Dylan- Você é tão positiva.

Ele riu fraco e eu sorri começando a correr até a parte mais alta, me enfiei dentre as árvores e subi em alguns galhos até achar o lindo lugar, dava para ver todos os altíssimos prédios de lá.

- Vem logo!

Olhei para trás e o vi passando pelo meio das folhas, um galho havia arranhado o braço do mesmo e tinha folhas grudadas no cabelo dele.

-Desastrado.

Me aproximei dele depois de largar a nossa comida e comecei a tirar as folhas dele.

-Foi só um arranham, não acho que precisaremos ir ao médico.

Dylan- Certeza?

- Absoluta!

Nós rimos e ele finalmente se atentou para a paisagem, nos aproximamos da beirada e sorrimos quando o vento bagunçou nossos cabelos.

Dylan- Você tinha razão.

Nos sentamos um pouco afastados da ponta e abrimos um dos saquinhos de bala, eu peguei o meu celular e tirei algumas fotos do lugar antes de ficar no loiro, ele estava com o pacote de balas coloridas na mão e a olhando para o celular completamente distraído, tirei algumas fotos dele e postei logo ouvindo o celular dele vibrar.

Dylan- Oque você postou?

-Dá uma olhada.

Disse inocente e ele sorriu para mim quando viu a foto.

Dylan- Ok, ok. Ficou boa! Eu gostei.

Ele disse sarcástico e jogou uma das balinhas em mim.

- Idiota.

Dylan- Boba

-Idiota.

Dylan- Linda...

Olhei para ele rindo e me aproximei tomando o saquinho das mãos dele.

-Tem que dividir.

Dylan- Claro.

Abrimos o refrigerante que havíamos ganhado com a pizza e colocamos nos copos de plástico, quem diria? Um piquenique no alto de uma montanha as 01 da manhã?
Foi ótimo!

Continua depois da publicidade
  • •/Avançar/•

Cena 2

Por volta das 3 horas nós voltamos pelo nosso caminho de táxi e paramos na frente do hotel, subimos para os nossos quarto e eu entrei para tomar banho antes de dormir.
Depois que já estava pronta eu me sentei na cama para pentear o cabelo enquanto boa um program qualquer na televisão até que...

Dylan- S/n? Está acordada?

O ouvi falar do outro lado da porta e me levantei para abrir a mesma, ele suspirou aliviado e entrou no cômodo.

-Oque foi?

Dylan- O Pierre ronca! Eu não estou exagerando! Ele ronca muito!

Eu ri do desespero do mesmo e fechei a porta.

-Durma aqui, eu sei que você tem um sono leve.

Dylan- Mas e você? Não vai conseguir dormir com ele.

-Eu posso dormir aqui no sofá.

Disse apontando para o pequeno sofá que havia no canto do quarto.

Dylan- Está tudo bem.

Ele pegou um dos travesseiros da minha cama e colocou no canto do sofá, ele praticamente se jogou lá e fechou os olhos com a mão na testa.

- Vai dormir aí?

Dylan- Algum problema?

-Nenhum... Digo, se você está confortável.

Dylan- É melhor do que a minha cama no outro quarto.

Ele disse divertido e eu ri, me deitei na cama e me cobro com o fino edredom, fechei os olhos por um instante depois de dizer boa noite mas não consegui nem fingir dormir.
Olhei por cima do meu ombro e o vi se virando de braços cruzados aparentemente desconfortável, o sofá era de boa qualidade mas era pequeno para uma pessoa de 1,82 de altura.

-Não dá.

Me levantei da cama e fui até ele balançando o braço do mesmo.

Dylan- Sim?

-Não durma aí, dorme lá comigo.

Ele abriu os olhos e eu sorri fraco, ele se levantou e pegou o travesseiro indo até o outro lado da cama, me deitei novamente e sorri comigo mesma quando ouvi ele suspirar aliviado.

Dylan- Obrigada, princesa.

-Fazia tempo que não me chamava assim.

Dylan- Você sentiu falta?

-Na-não...Só comentei.

Dylan- Ok...

Ele ficou em silêncio e eu olhei para ele com apenas um olho aberto, ele estava de olhos fechados mas nãos tinha dormido ainda.

-Você conhece um tal de Sebastian?

Dylan- Sebastian? O nome não me é estranho... Oque tem?

-Ele namorava o Cole e nós encontramos ele em Nova Iorque.

Dylan- Então você descobriu? Eu achava que ele nunca contaria, digo, sobre a sexualidade.

-Ele contou sim...É meio estranho mas no momento não é isso que me incomoda.

Dylan- Então oque é?

-Esse garoto...Eles saíram para jantar e o Cole voltou bem tarde...Ele não me disse nada que pudesse insinuar algo mas eu não...Sei lá!

Dylan- Eu confio no meu irmão mas naquele moleque? Nunca fui com a cara dele.

-Por que?

Dylan- Ele ficava o tempo todo dando em cima de mim quando estávamos na casa dele, ele era um grande amigo meu e do Cole.

-Você também é...?

Dylan- Não! Digo, não que seja uma coisa ruim mas eu gosto apenas de mulheres.

Ri com o tom que ele usou e me virei para olhá-lo, o mesmo estava me olhando com um pequeno sorriso e os olhos verdes fixos em mim.

-Eu que disse para o Cole sair com ele...Eu sou uma idiota mesmo, ele disse que não queria e eu insisti e agora eu fico com essa desconfiança boba.

Dylan- Não é boba! Aquele garoto não é uma boa pessoa mesmo... Não fique triste com isso.

Ele disse colocando uma mecha do meu cabelo atrás da minha orelha.

Dylan- Eu gosto de conversar assim com você. Eu me sinto...Sei lá.

-É fofo, o jeito com que você fala oque você pensa e sente...O Cole raramente faz isso.

Dylan- É o charme dele.

O mesmo riu sem humor e eu segurei a mão dele. Poderia até ser efeito do sono ou da saudade que eu sentia do meu namorado mas eu apenas segurei a mão dele e fechei os olhos.
Antes que eu pudesse abrolhos novamente eu senti meu rosto ser puxado com delicadeza até os lábios do loiro, segurei a mão dele mas não correspondo o beijo que aos poucos se revelou ser apenas um selinho demorado, nos separamos pouco ofegantes e eu finalmente abri os olhos vendo o maior olhar para mim com aqueles lindos olhos verdes.

Dylan- S/n...Me desculpa eu...

-Só... Não fala nada. Conversamos pela manhã.

Fechei os meus olhos sem me afastar e soltei a mão do mesmo.

Continua depois da publicidade
Gostou do capítulo?

Continua no próximo capítulo

Próximo Capítulo / Continue jogando

Adicione à sua biblioteca para ser notificado(a) de novas publicações!

O que você achou deste capítulo?
conta desativada

conta desativada Finalmente!! Kkkk🙏🏻🙏🏻
Cara, eu gosto do Cole, mas o dylan eh tão perfeito mano kkkk
Preciso de um pra mim 😖❤

28/10/20 34 ResponderMais
Lah👺✨

Lah👺✨ Desculpa cole mais tô preferindo o dylan agr🧚🧚

28/10/20 22 ResponderMais
~hey bitch~

~hey bitch~ ELA TEM Q FICAR CM ELE POO

28/10/20 20 ResponderMais
Emilly andressa

Emilly andressa Aaaaaaaa o Dylan beijou a S/N eu AMEI

28/10/20 16 ResponderMais
IsIs BrAnDãO

IsIs BrAnDãO [email protected] [email protected] como isso foi acontecer? #DYLANTALARICO

28/10/20 15 ResponderMais
Gabrielly Telles

Gabrielly Telles manoooo eu me shippo muito com Dylan <3
ele é tão perfeito e o Cole é fofo... é apenas fofo aiai

28/10/20 13 ResponderMais
Eduarda

Eduarda Isso tudo vai dar uma [email protected] É melhor fazer o Cole ligar para a S/n e dizer tudo, no momento a s/n aproveita a oportunidade e conta tb

28/10/20 13 ResponderMais
Anne

Anne Dylan - É TUDO, PERFEITO, FOFO, DÁ ATENÇÃO, É CARINHOSO, NÃO DEIXA A S/N DE LADO, TD PRA MIM!
Cole - Sprouse

28/10/20 8 ResponderMais
conta desativada

conta desativada Put* [email protected] um beijo mds

28/10/20 7 ResponderMais
Ananana✨

Ananana✨ Pronto agora sim um meio que traiu o outro estão kids 🤭🤦🏻‍♀️🤷🏻‍♀️

28/10/20 5 ResponderMais

WebFic

Entre no WebFic para ler & interagir com suas webfics favoritas!

Cancelar
Cancelar